Com Richard suspenso pelo terceiro cartão amarelo e Aírton entregue ao departamento médico por conta de um estiramento muscular, o Fluminense não terá um primeiro volante de ofício contra o Bahia. Diante disso, o técnico Marcelo Oliveira retomará o esquema com três zagueiros na partida desta quinta-feira, às 21h (de Brasília), na Arena Fonte Nova, em Salvador, válida pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Publicidade
Publicidade

Assim, Paulo Ricardo será titular do sistema defensivo do Tricolor, ao lado de Gum e Digão.

As novidades não param por aí. Revelado nas categorias de base do próprio clube, Fernando Neto ganhará mais uma chance desde que retornou de um período emprestado ao projeto Flu-Samorin, na Eslováquia. No atual Brasileiro, ele esteve em campo na derrota de 3 a 0 para o Santos, na Vila Belmiro.

Quem também estará à disposição é Léo.

Publicidade

Acometido de um edema na coxa, o lateral-direito não participou dos últimos dois jogos da equipe das Laranjeiras na temporada. Após cumprir suspensão no empate sem gols com o Sport na última segunda, no Maracanã, Jádson é outro que retorna ao time.

Apesar do clima de mistério, o Fluminense irá a campo com Júlio César; Paulo Ricardo, Gum e Digão, Léo, Jádson, Fernando Neto, Junior Sornoza e Ayrton Lucas; Everaldo e Luciano.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
PaixãoPorFutebol Fluminense

Somando 42 pontos e ocupando o 13º lugar na classificação, o Fluminense vê, contra o Bahia, mais uma oportunidade de conseguir uma vitória, escapar de qualquer ameaça de rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro e dedicar-se exclusivamente ao jogo de volta das semifinais da Copa Sul-Americana na quarta que vem, às 21h45 (de Brasília), no Maracanã, diante do Atlético-PR

Fluminense sofre mais uma ação na Justiça do Trabalho

Além da luta dentro de campo, o Fluminense segue atravessando sérios problemas nos bastidores.

De acordo com informação do jornalista Wilson Pimentel, do portal Esporte 24h, na última quarta, o lateral-direito Wellington Silva acionou o clube na Justiça do Trabalho, exigindo o pagamento de sete meses referentes ao acordo estabelecido em abril passado por conta da rescisão unilateral de seu vínculo por parte do Tricolor Carioca.

Wellington Silva tinha seus direitos federativos junto ao Fluminense entre 2013 até o início de 2018.

Publicidade

Com passagens por Flamengo, Internacional, Bahia, Grêmio, Olaria e Resende, ele, no momento, defende o CSA, de Alagoas.

Além de Wellington Silva, o goleiro Diego Cavalieri (sem clube), o zagueiro Henrique (atualmente no Corinthians) e o meia Marquinhos (reserva do Atlético-PR) também acionaram o Flu na Justiça após serem dispensados. O último, inclusive, ganhou, recentemente, o direito de receber cerca de R$ 7 milhões do time carioca.

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo