O repórter esportivo Lucas Strabko, conhecido como Cartolouco, que trabalha no SporTV, da Globo, foi suspenso de suas funções por três dias após ter sido envolvido em uma polêmica durante um jogo.

O repórter foi filmado no jogo Ceará e Vasco, pela última rodada do Campeonato Brasileiro [VIDEO] deste ano. Junto com a torcida da casa, no caso, o Ceará, Cartolouco tirou sarro do clube rival, o Fortaleza. É possível ver nas imagens ele dizendo que o "Ceará tem dono, filho. Fortaleza é pequenininho".

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Conforme foi informado pelo portal UOL, o profissional foi suspenso por três dias e ainda terá descontos dos dias em que não estiver trabalhando por conta da repercussão do caso.

Além disso, ele agora ficará na "geladeira" da emissora e não tem dia certo para a volta.

O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, que foi um dos que entrou em contato com a emissora para informar sobre tal situação, condenou a postura do profissional. Para Paz, Cartolouco xingou o Fortaleza e essa não seria uma atitude adequada de alguém que está num canal de grande importância para o Futebol. Segundo ele, a Globo é um grupo sério, que possui parcerias, contratos de direitos e não pode ter a imagem "arranhada" em decorrência de um profissional desse tipo, que quer diminuir o outro clube. Além disso, o presidente do Fortaleza falou que o repórter estimulou a violência ao xingar o clube rival.

Acionar a Justiça

De acordo com Paz, estão sendo estudadas medidas judiciais contra o apresentador da Globo.

O advogado do clube está analisando os fatos para entrar com o processo. Para Paz, um profissional de imprensa não poderia agir assim. Ele chegou a fazer algo desse tipo uma vez, a torcida [VIDEO] ficou chateada e ele pediu desculpas, na época. Entretanto, agora voltou a repetir a mesma ação e, dessa vez, o presidente acredita que foi algo pensado, pois ele saberia da repercussão de tudo isso.

Justificação da atitude

Cartolouco utilizou o seu Instagram para poder justificar as suas ações. De acordo com ele, quando se ama um clube é difícil não se envolver. Ele disse que simplesmente perdeu o controle de sua paixão pelo seu time de coração.

Ele citou que o fato do vídeo foi algo desinteligente de sua parte e que, como torcedor, estava cego naquele momento, passando assim do limite.

Ele também ressaltou que quando estava junto com a torcida do Ceará, não era em trabalho, mas apenas aceitou um convite de uma galera que ele tem imenso carinho.

Ele disse que se emocionou com o estádio cheio e ele, deixou de ser o repórter Cartolouco, e se transformou no garoto Lucas.