Fora da lista de relacionados para a partida do próximo domingo (26), no Castelão, diante do Fortaleza, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, o atacante Maxi López pediu para deixar o Vasco. O comunicado foi feito nesta sexta-feira (24), ao presidente do clube, Alexandre Campello, que prontamente atendeu ao pedido do jogador argentino. Seu vínculo iria até o mês de dezembro.

Na temporada passada, o jogador foi peça fundamental na luta do time para seguir na Série A do Campeonato Brasileiro, porém neste ano não apresentou o mesmo rendimento, tendo, inclusive, indo parar no banco de reservas quando a equipe ainda estava sendo dirigida pelo técnico Alberto Valentim.

Depois da pré-temporada, Maxi não conseguiu alcançar a melhor forma física e isso atrapalhou seu desempenho.

Quando chegou ao Vasco, o técnico Vanderlei Luxemburgo afirmou que daria atenção especial argentino e chegou a ter uma conversa em particular com ele antes do jogo contra o Avaí, o qual começou como titular, mas teve atuação apagada.

No início deste ano a diretoria chegou a se reunir com o jogador para discutir uma renovação de contrato, mas por conta de divergências, entendeu-se que o acerto poderia ser feito mais para frente.

No entanto, o desempenho que ele vinha apresentado aliado a demissão do diretor de Futebol Alexandre Faria, logo na segunda rodada do Campeonato Brasileiro, fizeram as conversas esfriarem completamente.

Ao todo, o jogador argentino disputou 38 jogos com a camisa vascaína, marcando sete gols em 2018e quatro nesta temporada.

Ausência na lista era para aprimorar parte física

Desde da última quarta-feira (22), Maxi passou a treinar em separado para poder aprimorar a parte física e sua ausência na lista de relacionados para o jogo em Fortaleza fazia parte deste planejamento, porém ele não gostou de ter ficado fora e pediu sua rescisão amigável.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol

Em um canal oficial do Vasco nas redes sociais, Luxemburgo comentou o fato do jogador não ter sido relacionado para o jogo. O treinador falou que o argentino se mostrou resistente com a ideia de não viajar, mas que aceitou o que foi proposto. “Gostei dessa resistência dele porque queria estar com o grupo”, chegou a dizer o treinador.

Valdivia é o mais cotado para o lugar de Maxi

Sem Maxi no time, o recém-chegado Valdivia pode ganhar espaço no time titular do Vasco.

Nos treinamentos realizados nesta sexta-feira (24), o técnico Vanderlei Luxemburgo testou o jogador na função de falso-nove, porém, sua entrada na equipe ainda não está decidida.

O Vasco enfrenta o Fortaleza neste domingo (26), às 19h, no estádio Castelão, na capital cearense, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo