A derrota para o América, em casa, por 2 a 0, nesta quarta-feira (28), aliado ao retorno do time à zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B, foi demais para o técnico Doriva, que nesta quinta-feira (29), pela manhã, foi demitido do São Bento. O clube informou a decisão através de um comunicado. De acordo com o clube sorocabano, a saída se deu após entendimentos entre ambas as partes.

A diretoria ainda não divulgou o nome de um substituto, mas um nome forte que vem sendo especulado é o de Milton Mendes, que até o último final de semana dirigia o Santa Cruz no Campeonato Brasileiro da Série C.

Enquanto um novo comandante não chega, o time será treinado pelos auxiliares Luizinho Rangel e Marcelo Cordeiro.

Com 19 pontos ganhos em 19 jogos, o São Bento terminou o primeiro turno da Série B na 18ª colocação, dentro da zona de rebaixamento. Se tivesse vencido o América, começaria o returno em 14º lugar. O time sorocabano volta a campo no próximo sábado (31), quando encara o Atlético Goianiense no estádio Olímpico de Goiânia.

Seja quem for o novo treinador, ele chegará com a missão de fazer a equipe melhorar seu sistema defensivo. Com os gols sofridos nesta quinta, o time segue com a pior defesa de toda a competição, tendo sido vazada 29 vezes. Curiosamente, o ataque é um dos melhores do campeonato, com mais gols do que time que estão no G-4.

Treinador ficou 19 partidas

Doria foi o terceiro treinador a dirigir o São Bento em 2019. A equipe começou a temporada sendo comandada por Marquinhos Santos, que havia sido contratado durante a Série B do ano passado. Os mais resultados no Campeonato Paulista fizeram a diretoria optar por sua saída.

Para tentar salvar o time na queda do estadual foi chamado o experiente Silas, mas ele não conseguiu evitar o rebaixamento da equipe sorocabana que teve apenas uma vitória em todo o campeonato, saindo logo após seu término.

Já para a Série B a diretoria trouxe Doriva, mas em 19 jogos ele foi derrotado dez vezes, empatou outras quatro e venceu cinco. Em toda a temporada o São Bento soma apenas seis vitórias, além de oito empates.

Última entrevista

Em sua última entrevista antes de ser demitido, ocorrida nesta quarta-feira, momentos após o jogo contra o América, Doriva havia lamentado o apagão que o time apresentou nos instantes iniciais e disse que a meta era recuperar o time no segundo turno.

“É uma noite para esquecer, precisamos erguer a cabeça porque a Série B é isso”, disse o técnico na entrevista.

Na ocasião, ele citou que o ambiente no clube é saudável e que não existia terra arrasada. “Cabe uma reflexão de todos para a gente poder reagir na competição”, falou na entrevista.

Siga a página Futebol
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!