O Fluminense segue em busca de reforçar a sua equipe. Pelo menos, esse foi o discurso de Mário Bittencourt. Em entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira (16), acontecida no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, logo após mais um treinamento da equipe de Futebol profissional, o presidente da agremiação das Laranjeiras voltou a garantir que, mesmo diante das dificuldades, continua a procura por contratações.

"Celso (Barros, vice-presidente geral) já falou sobre essas questões do futebol, negociações que acabaram não sendo concluídas. Outras oportunidades estão surgindo, mas prefiro manter o sigilo. Há um limite de cinco jogadores oriundas de clubes da Série A. Com a chegada do Nenê, ficou faltando uma vaga. Acredito que em breve possamos resolver essa situação. A data limite é a de inscrição no Brasileiro", disse Mário, que confirmou ser, um zagueiro, o novo alvo da diretoria.

"Temos que encontrar um zagueiro e estamos buscando. O universo é muito restrito. As limitações do regulamento faz com que o universo cada vez menor. Tenho certeza que, em breve, conseguiremos oficializar isso", acrescentou.

Outro ponto abordado foi o patrocínio master. Garantindo compreender a ansiedade de todos, especialmente dos torcedores, Mário Bittencourt lembrou que, desde quando assumiu a presidência, o Fluminense entrou em acordo com duas marcas, pediu paciência e ressaltou o critério na escolha do futuro parceiro.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol PaixãoPorFutebol

"Entendo a ansiedade da torcida. Desde que chegamos, já havia o fechamento do patrocínio da Forteviron. Depois com a gente chegou a Cashbet e o Azeite Royal. Estamos em negociações abertas e sem afobação para que possamos trazer um patrocínio do tamanho gigantesco que é a camisa do Fluminense", explicou.

Mário lança desafio ao torcedor

Além do extra-campo, Mário Bittencourt também comentou sobre o próximo jogo do Fluminense.

Segundo o presidente, uma vitória sobre o CSA na partida de domingo (18), às 16 horas (de Brasília), no Maracanã, válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, é fundamental. Por isso, revelando o número de ingressos já vendidos de forma antecipada, pediu o comparecimento da torcida e aproveitou para fazer um pequeno desafio aos tricolores.

"Temos mais de 10 mil ingressos vendidos ao jogo contra o CSA.

Quero lançar um desafio ao nosso torcedor. Se ultrapassar os 20 mil pagantes no domingo faremos uma promoção ainda maior no jogo contra o Avaí. Ingresso na Sul a R$ 40 e toda a Leste, onde são mais ou menos 11 mil ingressos, a R$ 10", ressaltou o dirigente.

Com apenas 12 pontos, o Fluminense ocupa, no momento, o 16º lugar, último antes da zona de rebaixamento do Brasileirão.

Allan é convocado para a Seleção Sub-23

Também na manhã desta quinta a Seleção Brasileira Sub-23 foi convocada na sede da CBF e o Fluminense acabou ganhando um importante desfalque para o Campeonato Brasileiro.

Chamado pelo técnico Andrè Jardine, o volante Allan estará ausente do confronto do Tricolor no próximo dia 07 de setembro, às 17 horas (de Brasília), na Arena Castelão, diante do Fortaleza.

Allan chegou ao Fluminense no início de 2019 e tornou-se um dos principais destaques da equipe. Com vínculos federativos pertencentes ao Liverpool, da Inglaterra, ele está emprestado ao Triclor até o final de próximo mês de dezembro.

Outro jogador com raízes presas ao Fluminense também foi chamado: o zagueiro Roger Ibañez, atualmente na Atalanta, da Itália.

A Seleção Brasileira Sub-23, que se prepara para o Pré-Olimpico de janeiro de 2020, na Colômbia, enfrentará a Colômbia no próximo dia 05 e, quatro dias depois, o Chile. Os dois jogos acontecerão no estádio do Pacaembu, em São Paulo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo