Dois dias após anunciar o acerto com Daniel Alves, o São Paulo fechou mais uma contratação. Neste sábado (3), o clube do Morumbi confirmou a contratação do lateral-direito Juanfran. O jogador espanhol de 34 anos estava disponível no mercado após o término de seu vínculo no Atlético de Madrid. O acordo com o Tricolor é válido até o final do ano que vem.

Se a vinda de Dani Alves teve participação efetiva de Raí, a contratação do espanhol por articulada por Diego Lugano com intermédio de seu ex-companheiro de seleção uruguaia Godín, que atuou por algumas temporadas ao lado de Juanfran e que serviu para fazer uma espécie de ponte nas negociações.

O lateral tinha proposta do Chicago Fire, dos Estados Unidos, e do Futebol do Catar, onde receberia salários mais altos do que ganhará no Tricolor. A oportunidade de disputar torneios sul-americanos, tão tradicionais e equilibrados, foi um dos fatores a motivar a vinda do jogador europeu.

Esse primeiro acordo servirá para ele sentir e se adaptar ao futebol brasileiro e caso a experiência seja positiva, o vínculo poderá ser ampliado. O jogador gravou um vídeo anunciando sua vinda para o Morumbi. “Agora é necessário sair da Espanha para conquistar outras coisas.

Me chamo Juanfran Torres e agora sou tricolor. Pode me chamar de São Paulo”, narrou o jogador.

Juanfran começou sua carreira no Real Madrid e depois foi para o Espanyol, onde conquistou a Copa do Rei em 2006. Desde 2011 defendia o Atlético de Madrid, pelo qual fez 355 jogos, sendo 40 deles na última temporada. Teve passagem pela seleção da Espanha, onde conquistou a Eurocopa de 2012 e esteve no elenco que jogou a Copa de 2014 no Brasil.

A razão de contratar os dois laterais

Um dos questionamentos levantados foi a razão pela qual o São Paulo contatou dois laterais-direitos na mesma semana.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Futebol São Paulo FC

A explicação é que a diretoria e a comissão técnica entendem que Dani Alves também pode atuar no meio de campo ou avançado na segunda linha.

Além disso, o pesado calendário imposto pelo futebol brasileiro impediria o lateral de 36 anos de jogar por longos períodos duas vezes por semana, por isso a se decidiu por trazer outra peça para a posição.

A apresentação oficial de Daniel Alves acontece na próxima terça-feira (6), às 20 horas, no estádio do Morumbi. Serão cobrados ingressos no valor de 5 reais e a diretoria espera que ela seja nos moldes da que marcou o retorno de Luiz Fabiano, acompanhada por 45 mil torcedores, em 2011.

Os portões serão abertos às 16 horas e todos os setores do estádio estarão liberados. Os ingressos estão sendo vendidos no site oficial do clube.

No São Paulo Daniel Alves deixará de lado o número 2 e usará a camisa 10.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo