Dois dias após anunciar o acerto com Daniel Alves, o São Paulo fechou mais uma contratação. Neste sábado (3), o clube do Morumbi confirmou a contratação do lateral-direito Juanfran. O jogador espanhol de 34 anos estava disponível no mercado após o término de seu vínculo no Atlético de Madrid. O acordo com o Tricolor é válido até o final do ano que vem.

Se a vinda de Dani Alves teve participação efetiva de Raí, a contratação do espanhol por articulada por Diego Lugano com intermédio de seu ex-companheiro de seleção uruguaia Godín, que atuou por algumas temporadas ao lado de Juanfran e que serviu para fazer uma espécie de ponte nas negociações.

O lateral tinha proposta do Chicago Fire, dos Estados Unidos, e do Futebol do Catar, onde receberia salários mais altos do que ganhará no Tricolor. A oportunidade de disputar torneios sul-americanos, tão tradicionais e equilibrados, foi um dos fatores a motivar a vinda do jogador europeu.

Esse primeiro acordo servirá para ele sentir e se adaptar ao futebol brasileiro e caso a experiência seja positiva, o vínculo poderá ser ampliado. O jogador gravou um vídeo anunciando sua vinda para o Morumbi. “Agora é necessário sair da Espanha para conquistar outras coisas.

Me chamo Juanfran Torres e agora sou tricolor. Pode me chamar de São Paulo”, narrou o jogador.

Juanfran começou sua carreira no Real Madrid e depois foi para o Espanyol, onde conquistou a Copa do Rei em 2006. Desde 2011 defendia o Atlético de Madrid, pelo qual fez 355 jogos, sendo 40 deles na última temporada. Teve passagem pela seleção da Espanha, onde conquistou a Eurocopa de 2012 e esteve no elenco que jogou a Copa de 2014 no Brasil.

A razão de contratar os dois laterais

Um dos questionamentos levantados foi a razão pela qual o São Paulo contatou dois laterais-direitos na mesma semana. A explicação é que a diretoria e a comissão técnica entendem que Dani Alves também pode atuar no meio de campo ou avançado na segunda linha.

Além disso, o pesado calendário imposto pelo futebol brasileiro impediria o lateral de 36 anos de jogar por longos períodos duas vezes por semana, por isso a se decidiu por trazer outra peça para a posição.

A apresentação oficial de Daniel Alves acontece na próxima terça-feira (6), às 20 horas, no estádio do Morumbi. Serão cobrados ingressos no valor de 5 reais e a diretoria espera que ela seja nos moldes da que marcou o retorno de Luiz Fabiano, acompanhada por 45 mil torcedores, em 2011. Os portões serão abertos às 16 horas e todos os setores do estádio estarão liberados. Os ingressos estão sendo vendidos no site oficial do clube.

No São Paulo Daniel Alves deixará de lado o número 2 e usará a camisa 10.

Não perca a nossa página no Facebook!