Os cofres do Fluminense estão prestes a ganhar um importante reforço. Nesta terça-feira (7), o time das Laranjeiras encaminhou a negociação do volante equatoriano Orejuela para o Querétaro, do México.

Nas duas últimas temporadas o jogador, que tem contrato com o Tricolor até o final deste ano, havia sido emprestado para a LDU. A equipe do Equador até queria prorrogar o empréstimo por mais um ano, mas os dirigentes do time carioca desta vez só aceitariam negociá-lo em definitivo.

O presidente Márcio Bittencourt, inclusive, havia dito que a comissão técnica pretendia contar com o jogador em 2020, porém pesou a vontade do atleta em atuar fora do Brasil.

“Queríamos muito contar com ele (...) Mas o jogador manifestou que não tem interesse em voltar”, disse o mandatário do Tricolor.

De acordo com informações publicadas pelo portal Globo Esporte, o valo da negociação gira em torno de 1 milhão de dólares, algo na casa dos 4 milhões de reais, pelos 60% dos direitos econômicos que o time brasileiro possui do jogador. O montante agrada a ambos os clubes.

Após se destacar na campanha do vice-campeonato do Independiente Del Valle, finalista da Copa Libertadores da América em 2016, Orejuela chegou ao Fluminense no começo de 2017 juntamente com Sornoza, que curiosamente foi emprestado para a LDU pelo Corinthians no início deste ano.

Ele até começou bem sua trajetória nas Laranjeiras, mas foi perdendo espaço ao longo daquela temporada, totalizando 48 jogos disputados.

Robinho e Reginaldo são outros jogadores que também não seguirão no clube em 2020. O primeiro deverá acertar com o Água Santa, time que está de volta à primeira divisão do Campeonato Paulista. Já o segundo ainda não tem o futuro definido, apesar de sondagens feitas pelo Botafogo de Ribeirão Preto.

Egídio e Henrique estão próximos

Nos próximos dias o Fluminense deve acertar a chegada de dois jogadores vindos do Cruzeiro. O lateral-esquerdo Egídio e o volante Henrique estão finalizando suas saídas do clube mineiro e a tendência é que ambos assinem com a equipe carioca por duas temporadas.

No entanto, pode ser que apenas um deles acerte em definitivo. De acordo com Ocimar Bolicenho, diretor de Futebol cruzeirense.

Egídio está mesmo acertando sua rescisão contratual, mas Henrique está indo para o time carioca por empréstimo. “Na verdade, o Henrique não é rescisão. Está indo por empréstimo de um ano”, disse o dirigente.

O contrato dos dois jogadores com o Cruzeiro é válido até o final deste ano, mas eles têm salários altos demais para um time que neste ano terá que jogar a Série B.

Do atual elenco celeste, Henrique é o segundo jogador que mais vestiu a camisa do clube, com 516 aparições, ficando somente atrás do goleiro Fábio.

Siga as suas paixões.
Fique atualizado.

Já Egídio, somando suas duas passagens pela Toca da Raposa, soma 210 jogos pela Raposa.

Não perca a nossa página no Facebook!