Em meio a tantas incertezas nesse período de pandemia, uma notícia boa foi divulgada pelo time de futebol italiano Juventus, nessa quarta feira (15), pela manhã. De acordo com a assessoria do clube de Turim, os jogadores Rugani e Matuidi estão livres do coronavírus.

"Daniele Rugani e Blaise Matuidi realizaram, conforme protocolo, a verificação dupla com testes de diagnóstico para o novo coronavírus. Os testes deram resultados negativos. Os jogadores, portanto, se recuperaram e não estão mais sujeitos ao regime de isolamento em casa", comunicou a assessoria da Juventus.

Ambos os atletas estavam em regime de quarentena desde o meio mês de março, quando foram diagnosticados com o novo coronavírus.

Dias após a paralisação do Campeonato Italiano de futebol, Rugani foi o primeiro da equipe que testou positivo para a Covid-19.

Coronavírus: namorada de Rugani contesta Juventus

Michela Persico, namorada de do zagueiro Daniele Rugani, falou algo bastante polêmico sobre a função do time italiano na situação. Em entrevista cedida ao veículo TPI.IT, a namorada de Rugani alegou que a Juventus mentiu sobre a data do teste do atleta, que acusou positivo.

"O Dani (Rugani) fez o exame em um domingo, dia 08/03, e recebeu o resultado na segunda, dia 09/03. Eu vim saber que também estava infectada apenas no dia 16", disse ela.

O clube havia dito publicamente que o resultado positivo do atleta saiu no dia 11/03, alegando que Rugani havia realizado o teste no dia 10.

Michela, que está grávida, acusou positivo para a Covid-19 no dia 16.

Coronavírus: atletas já testaram positivo

Após a Covid-19 paralisar mundo afora, os primeiros casos de famosos infectados foram aparecendo, entre eles alguns atletas. Fellaini, jogador belga com passagens por Manchester United e Everton, testou positivo para o vírus.

Além de Rugani e Matuidi, Dybala foi outro jogador da Juventus a testar positivo. Jonathan Jesus, do Elche, e Dori, do Meizhou Hakka, foram os primeiros casos de jogadores brasileiros a testarem positivo para o Coronavírus. Paolo Maldini e seu filho, Daniel Maldini, também testaram positivo.

Garay, Gaya e Mangala (Valencia-ESP), Cabrera e Wu Lei (Espanyol - ESP), Mnoga, Raggett, Cannon e Bolton (Portsmouth-ING), Austin (West Brom - ING), Hudson-Odoi (Chelsea - ING), Hyun-jun (Troyes - FRA), Bereszynski, Gabbiadini, La Gumina, Thorsby, Colley e Ekdal (Sampdoria - ITA), Pezzella e Vlahovic (Fiorentina - ITA), Pezzella e Vlahovic (Fiorentina - ITA).

Kilian (Paderborn - ALE), Horn e Timo Hubers (Hannover -- ALE)

Técnicos: Mikel Arteta (Arsenal – ING) e Fatih Terim (Galatasaray - TUR)

Siga a página Coronavirus
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!