Após um empate amargo por 1 a 1 contra o Coritiba, no Couto Pereira, Renato Portaluppi vive seu momento mais delicado no comando do Grêmio desde que assumiu a equipe em setembro de 2016. O treinador mais longevo do futebol brasileiro vive um período instável na casamata tricolor e evita falar em renovação de contrato com a equipe.

Entretanto, Renato, mais cedo ou mais tarde, precisará sentar com o presidente Romildo Bolzan Jr. e resolver a pendência de seu contrato. Isso porque o treinador, para comandar a equipe no banco de reservas no Allianz Parque, diante do Palmeiras, no dia 7 de março, pela grande final da Copa do Brasil, precisará ter seu vínculo renovado.

Por conta da pandemia, Grêmio e Renato acertaram uma extensão de dois meses a mais de contrato. O vínculo anterior do treinador encerrava em dezembro de 2020, mas acabou acertado que o treinador ficaria pelo menos até o fim do mês de fevereiro, quando, ao que tudo indicava, encerraria a temporada de 2020 no futebol brasileiro.

A vitória do Palmeiras sobre o Santos, porém, atrapalhou os planos e, em razão do Mundial de Clubes da Fifa, as finais da Copa do Brasil foram adiadas. A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) impôs duas novas datas para a final. Na Arena Grêmio, as equipes se enfrentam no dia 28 de fevereiro. Para o jogo da volta, no Allianz Parque, o Palmeiras recebe o Grêmio no dia 7 de março.

O jogo, adentrando o calendário de março, coloca a final da Copa do Brasil em meio à disputa da temporada de 2021, o que exigiria de Renato Portaluppi uma nova renovação com o Grêmio.

Renato evita falar sobre futuro no Grêmio

Na entrevista coletiva após o jogo contra o Coritiba, Renato foi questionado sobre a sua permanência no Grêmio. O treinador, porém, evitou falar sobre o seu futuro. "Não gosto de falar sobre o meu futuro. Vocês já me conhecem", disse, enfático, o treinador, que destacou ter uma ótima relação com o presidente Romildo, garantindo que pode sentar com o mandatário tricolor e rapidamente resolver as questões contratuais.

"A gente pode resolver em cinco, três minutos. Para ficar ou sair".

Na coletiva, Renato ainda reforçou sua vontade de não falar sobre o assunto, garantindo que não pensa sobre sua renovação de contrato e que o foco dele e da equipe do Grêmio está inteiramente nas finais da Copa do Brasil. Para isso, porém, Renato precisará renovar o vínculo, que encerra já no fim deste mês.

Renato não fica para 2021, diz jornalista

O jornalista Cesar Fabris, da Rádio GreNal, que acompanha o dia a dia do Grêmio, revelou que conversou com pessoas próximas ao treinador e estes lhe garantiram que Renato não ficaria no Grêmio para a temporada de 2021. A informação foi dada pelo profissional da imprensa na sexta-feira (29). Ainda de acordo com as informações de Fabris, Renato estaria de malas prontas para voltar ao Rio de Janeiro, porém sem destino definido.

Siga a página Grêmio
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!