O Grêmio começou a temporada com todo o gás neste 2021. Embora os adversários não estejam no maior nível técnico, o clube viu os meninos conduzirem bem a equipe neste início de ano, seja no Gauchão, seja na Copa Libertadores. Com ótimos nomes entre os jovens, o Grêmio pode evitar gastar dinheiro a mais com contratações para compor elenco.

Se no ano passado o Grêmio focava em abastecer o grupo com nomes para um eventual "titulares e reservas", este ano o "time de reservas" parece já estar em casa e sendo muito bem preparado na Arena do Grêmio. Com a ascensão dos meninos, novas contratações para compor elenco podem, definitivamente, tornarem-se desnecessárias.

Brenno mostra potencial no Grêmio

As falhas constantes de Paulo Victor e a desconfiança em Vanderlei deram espaço merecido a Brenno. O goleiro de 21 anos, cria da base do Grêmio, parece ter assumido de vez a titularidade no gol tricolor e mostra grande potencial para conquistar a torcida, a comissão técnica e os dirigentes do clube.

Se antes o Grêmio estava no mercado em busca por um novo goleiro, mais experiente e com "mais cancha" –vale lembrar que o clube sondou Agustin Rossi, do Boca Juniors para a posição–, agora o arqueiro parece ter saído do radar, principalmente após a atuação convincente de Brenno diante do Aimoré.

As boas defesas do goleiro, inclusive, renderam aplausos no vestiário, com direito a ovação ao goleiro pela excelente atuação pelo Campeonato Gaúcho.

Grêmio encontra um camisa 10

Um menino de apenas 18 anos apareceu e encantou na partida diante do Aimoré. Pedro Lucas. O nome do jovem já é falado internamente nos corredores da Arena há algum tempo, e diante do Aimoré o jovem meio-campo das seleções de base confirmou toda a expectativa criada em cima da promessa.

Pedro Lucas deu movimentação, intensidade, proporcionou infiltrações e abasteceu os atacantes inúmeras vezes.

Com uma atuação segura, o Grêmio parece ter, junto a Pinares e Jean Pyerre, um meio-campo cerebral capaz de substituir os atletas mais experientes em situações necessárias.

Grêmio tem ataque que funciona

Mais uma vez o ataque formado por meninos funcionou. O já consolidado Ferreira parece evoluir a cada jogo e cavar a sua vaga no time titular pela ponta-esquerda.

Contudo, é no lado direito e no ataque que dois nomes realmente ganham força entre os titulares do tricolor.

Ricardinho e Gui Azevedo mais uma vez anotaram seus gols e foram bastante participativos nas ações ofensivas da equipe. As boas apresentações já podem credenciar tanto Gui, como também Ricardinho, ambos de 19 anos, a brigar por uma vaga nos lugares de Alisson e Diego Souza, atuais titulares, respectivamente, não se fazendo necessário buscar no mercado alternativas para os atuais donos da posição.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Grêmio
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!