O Grêmio começou 2021 criando altas expectativas em seus torcedores. Os grandes nomes pretendidos sinalizavam um Grêmio forte no mercado, buscando grandes jogadores no cenário mundial. Entretanto, o entrave chamado preliminares da Libertadores frustrou os planos do Tricolor.

Além disso, o vazamento constante dos nomes trabalhados pela diretoria, como Rafinha, Thiago Santos, Borré e Rafael Carioca, fizeram com quem o Grêmio trabalhasse em silêncio por novos reforços para o elenco. Com o porém de aguardar o resultado do confronto contra o Del Valle na próxima quarta-feira (15).

Grêmio muda postura nas contratações

Segundo o jornalista Cesar Cidade Dias, em seu canal no YouTube, o Grêmio trabalha silencioso por novas contratações. O principal nome trabalhado nesta janela, Douglas Costa, segue como o grande desejo da diretoria para a temporada de 2021. Entretanto, ainda é tratado com muito cuidado.

Ainda segundo o comunicador, o Grêmio vê com otimismo um desfecho por Douglas Costa, mesmo que o Tricolor não se classifique para a Libertadores. De acordo com Cidade Dias, "a relação de Douglas Costa com o Grêmio independe da competição que o clube esteja participando".

Outro nome que também é trazido pelo jornalista é o de Soteldo. O atacante venezuelano do Santos tem a sua situação bastante encaminhada no Grêmio, podendo ser anunciado em breve pelo clube.

O clube alvinegro possui pendências financeiras com o Huachipato, do Chile, e isso poderia facilitar um acordo com o Grêmio.

Diferentemente de Douglas Costa, porém, o Grêmio condiciona a aquisição do atacante venezuelano ao avanço à fase de grupos da Libertadores. O presidente do Huachipato já foi acionado pelo Grêmio para que o clube não tenha problemas jurídicos, em função da dívida dos paulistas com os chilenos.

No entanto, de acordo com o presidente do clube chileno, a aquisição está apenas atrelada à classificação dos gaúchos à fase de grupos da competição.

Grêmio não quer modelo proposto pela Juventus por Douglas Costa

Uma notícia vinculada ao portal Tuttosport, da Itália, aqueceu o mercado do Grêmio. Isso porque, segundo o periódico, a Juventus iria propor um modelo de negócio para que o Grêmio ficasse com Douglas Costa.

A equipe italiana solicitaria a preferência de compra de algumas promessas do Grêmio, sobretudo Pedro Lucas, de 18 anos.

A notícia agitou os bastidores do Grêmio, porém não parece ter animado os dirigentes. Segundo o repórter João Batista Filho, da Bandeirantes, os dirigentes não se agradaram da proposta da Vecchia Signora. João Batista ainda argumenta que os dirigentes tricolores não veem vantagem neste possível modelo de negócio, pois desvalorizaria os ativos do clube. O Grêmio, inclusive, nega tais tratativas, informou o comunicador.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Grêmio
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!