Quem não pagaria para ver Charlize Theron no papel de espiã empoderada, vivendo na Berlim dos anos 80, com direção de arte caprichada, figurinos de época estilosíssimos e trilha sonora vintage perfeitamente selecionada? E se tivesse James McAvoy (o jovem Professor Xavier de "X-Men") como o outro espião do rolê, Sofia Boutella como interesse amoroso (sim, lésbico) e direção de David Leitch ("V de Vingança")? Não sei vocês, mas esse pessoal me conquistou logo no "Charlize Theron".

Mas talvez, o mais legal do filme, seja Leich ter optado por fazer sua adaptação do quadrinho "Coldest City" com uma pegada bem mais realista do que estamos acostumados a ver nos cinemas.

Enquanto a maioria das heroínas de Hollywood chegam ao fim de uma guerra com suas unhas esmaltadas, Lorraine (a super forte, habilidosa e misteriosa espiã) carrega marcas das suas lutas ao longo do filme. Essas, aliás, são intensas, impecáveis e super críveis. Aposto minhas fichas para "Atômica" levar o prêmio de "best fight scene" no próximo Mtv Movie Awards! As lutas são as melhores coisas do filme, que também soube muito bem onde e como adicionar a trilha sonora, como escolher ótimas referências ambientando à cidade e à época da queda do muro (que separava o lado leste e oeste da Alemanha) e como montar ótimos longos takes que parecem não ter cortes.

"Atômica" nos conquista não apenas com a musa Charlize Theron, mas com todo o conjunto da obra. Temos uma nova personagem poderosa no pedaço, que come de café da manhã todos esses espiões que até então se achavam os reis do "rolê". Aliás, não consegui deixar de notar que em uma cena ela ataca seus oponentes com uma corda amarela. Vibes "laço da verdade"? Mulheres maravilhosas? Manda mais que tá pouco.

Apenas o pouco experiente Kurt Johnstad volta pra casa sem receber nenhum elogio. O seu roteiro não está à altura do filme e fica devendo, apesar de não comprometer. Assim como na HQ, a história gira ao redor de uma tal lista cheia de nomes de espiões que estão cada um por si neste período caótico social-político Alemanha x Rússia.

Essa foi a minha opinião sobre o filme. Agora vamos ver o que comentaram os famosos que passaram pela nossa câmera VR360º na pré-estreia do filme em São Paulo.

Estive lá no Shopping JK com esse equipamento high tech para fazer minha estreia aqui na Blasting News. Espero que gostem!

Aguardo super ansiosa pelos comentários de vocês! Deixem suas opiniões.

Não perca a nossa página no Facebook!