A grafia pode variar então o nome deste país asiático pode ser escrito com "s" ou "c" e ambas as nomenclaturas são consideradas corretas. Singapura, apesar de ser conhecida por país asiático é, na verdade, uma cidade-Estado. Um fato interessante, Singapura é o país de menor população do Sudeste Asiático.

É integrante também dos Tigres Asiáticos. O país tem se tornado um dos com maior prosperidade em toda a Ásia.

O seu porto possui mais movimentação que qualquer porto no mundo todo.

Em relação à arquitetura existe uma mescla, desde prédios muito modernos aos tradicionais edifícios orientais. O design da cidade também surpreende pela parte urbana ser bastante contemporânea.

Em relação às condições climáticas, Singapura mantém temperaturas altas características do clima tropical. Há muitos restaurantes na cidade-Estado, centros de compras e boates que dão vida à noite local.

Além disso, quem busca descanso ou menos agitação pode aproveitar e relaxar na praia artificial.

Singapura vai bastante além, muitas pessoas vão ao local pelas ótimas opções de compras que podem ser feitas, mas existem outras coisas para fazer como os vários festivais que constam em seu calendário e que são de vários tipos como alimentação, esportivos, artísticos entre outros. Alguns eventos famosos que estão no calendário são o Ano Novo Chinês, Fórmula 1 e Festival das Lanternas.

O povo em Singapura tem uma mistura de etnias, alguns são vindos da Malásia, alguns da China e outros da Índia o que faz com que existam diversas línguas oficiais.

Como chegar

Para chegar é preciso um pouco de esforço e muita paciência já que não há, no momento, voos sem escalas do Brasil à Singapura. O usual é fazer no mínimo uma escala e os voos são demorados (aproximadamente um dia ou mais) devido à distância.

A distância entre o Aeroporto de Changi é de 20 km da parte central da cidade e há táxis ou transporte público para fazer esse trajeto.

Quanto à diversão noturna algumas pessoas dizem que Nova York não é mais a cidade mais badalada e que esse título foi roubado pela oriental Singapura.

A parte mais recomendada da cidade para se divertir é Chinatown. Ainda, há os bares e casas noturnas no topo dos arranha-céus.

Para ver durante o dia há os Jardins Botânicos que são onde está presente a horticultura da cidade. Na rampa Sands SkyPark é possível observar e ter a impressão de ter subido em cima das nuvens, uma experiência inesquecível.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo