Você sabia que há uma verdadeira epidemia de furtos e roubos de bicicletas no Brasil? Somente neste ano, de acordo com o Ranking Nacional de Bicicletas Roubadas em São Paulo já foram registrados 357 roubos (quando a perda não se dá mediante assalto).

No Rio de Janeiro, 169 ciclistas perderam suas bicicletas até o momento. A estatística pode ser ainda maior, visto que nem todas as vítimas fazem o cadastro no site.

A boa notícia é que um grupo de estudantes de engenharia do Chile apresentou uma solução inovadora: a Yerka, uma “bicicleta-cadeado”, como foi definida por eles, na qual o quadro de sustentação é também um dispositivo de segurança.

Cristóbal Cabello, Juan José Monsalve e Andrés Roi estão fazendo bastante sucesso com o invento. Vista de longe, é uma bicicleta comum, porém ao chegar mais perto vê-se que o tubo diagonal do chassis se divide em dois, se dobra e se une novamente formando uma espécie de cadeado prático para prender em postes. Diante desta solução, até o mais hábil ladrão se depara com o infortúnio de tornar a bicicleta inutilizável caso insista em roubá-la.

Uma bicicleta conetada

Além do mecanismo, que pode ser travado e destravado em até 10 segundos, a Yerca também inova ao utilizar elementos de Internet das Coisas (Internet of Things). Funciona assim: quando o aparelho “percebe” que há uma ameaça (alguém forçando), o proprietário recebe uma mensagem por meio de um aplicativo no smartphone e pode agir para impedir o roubo.

Criação teve financiamento coletivo

Para colocar em prática o projeto, os estudantes chilenos recorreram ao crowdfunding, uma prática de financiamento coletivo por meio da internet.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Curiosidades

Em tempo recorde - seis semanas - conseguiram o dinheiro necessário para produzir os primeiros protótipos. Assim, ao mesmo tempo em que conseguiam doações, os empreendedores já faziam a primeira ação de marketing do novo produto.

Em entrevista ao periódico argentino El Clarín, os jovens contaram que já venderam 197 unidades, a maioria delas para os Estados Unidos. O preço? US$ 500, inicialmente, porém o valor pode cair à medida em que a escala de produção aumente.

A Yerca, bicicleta-cadeado, deve chegar ao Brasil em 2016.

Para entender melhor o invento, veja este vídeo no qual os empreendedores comentam o projeto e fazem demostrações:

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo