Um incidente envolvendo uma equipe policial e um menor de idade terminou de forma trágica nos Estados Unidos,na madrugada desta quarta-feira (14). De acordo com as primeiras informações, o adolescente fez uso de um revólver de brinquedo, para fazer um assalto juntamente com outros amigos, e foi atingido por um policial que atendia a ocorrência e que não tinha como imaginar que o objeto usado pelo garoto não era de verdade.

Oadolescente, de 13 anos de idade, foi baleadodepois de apontar a "arma" aos policiais.Segundo o jornal NBC News, foi socorrido para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu. O caso aconteceu na cidade de Columbus, em Ohio.

Segundo informações da Polícia da cidade, tudo aconteceu depois de acontecerum chamado para a verificação de uma denúncia de assalto. Quando a equipe policial chegou ao local indicado, encontrou três rapazes que tinham as características indicadas pelo denunciante.

No momento em que os policiais foram abordar os adolescentes, eles saíram correndo. O menino Tyree King sacou uma arma e apontou em direção aos policiais, sendo baleado pelos mesmos. Segundo um comunicado da Polícia de Ohio, os agentes policiais seguiram os meninos por um beco tentando pegá-los, momento em que o adolescente Tyree tirou a arma da cintura e foi baleado muitas vezes por um dos policiais.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia Curiosidades

Somente depois de um tempo, os policiais notaram que a arma exibida pelo menor era de brinquedo, de ar comprimido. O menino foi socorrido com vida para uma Unidade de Saúde da cidade, mas veio a óbito logo após dar entrada no hospital.

A equipe policial envolvida na ocorrência será encaminhada para suporte psicológico e ficará temporariamente afastada de suas funções na corporação. O policial que fez os disparos, que atingiram o adolescente, já faz parte da corporação há 9 anos.

O caso continua em investigação pela polícia de Ohio.

Que esse caso sirva de alerta para quem faz uso dessas armas, seja para cometer um crime ou mesmo assustar e inibir outras pessoas.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo