No dia 20 deste mês, a ex-participante de um reality show americano, Lisa Marie Naegle, foi encontrada morta em uma cova rasa no quintal da casa de um ex-aluno de enfermagem dela. Já que, além de celebridade, Lisa era também professora de uma faculdade.

Ela estava desaparecida a cerca de três dias, desde do dia em que havia saído de uma festa de aniversário. A polícia conseguiu localizar o corpo depois de ter conseguindo imagens das câmeras de segurança de um bar, onde mostrava Lisa saindo com o acusado.

Este caso foi bastante divulgado nos Estados Unidos e no mundo, já que a vítima era conhecida por ter participado do famoso reality show americano E! show de Bridalplasty.

Menos de dez dias após ser divulgado este crime, a população americana recebeu a notícia do homicídio de outra famosa celebridade da América do Norte. A vítima desta vez trata-se de Tricia McCauley, 46 anos, atriz do programa se 'Ela Dança, Eu Danço', reproduzido nos Estados Unidos da América. A atriz foi encontrada morta nesta última terça-feira (27); seu corpo estava dentro de seu carro na cidade de Washington, capital dos Estados Unidos.

Segundo as autoridades locais, as investigações apontam para um sequestro seguido de Morte. Um homem de 29 anos, identificado como Adrian Johnson, é considerado o principal suspeito de ter cometido o crime.

Assim como Lisa Marie; Tricia McCauley também estava desaparecida. O seu desaparecimento foi constatado no dia de Natal, quando ela marcou um encontro com alguns amigos, mas não apareceu no compromisso.

Os melhores vídeos do dia

A suspeita é de que ela não conhecia o seu assassino. A polícia passou a considerar Adrian Johnson como suspeito após receber a informação de que ele foi visto dirigindo o carro da atriz.

Policiais conseguiram localizá-lo e o abordaram no carro da vítima. Ela foi encontrada morta dentro do veículo com sinais de agressões. A polícia acredita que ela foi morta por estrangulamento. O caso segue sob investigação; os laudos da pericia com a causa morte podem ajudar a esclarecer mais este homicídio.