Imagine montar uma pista de dança onde quer que se vá. Basta parar em qualquer rua, usar a iluminação adequada e soltar o som. Essa é a proposta do artista plástico Benedetto Bufalino, de 35 anos, que criou uma casa noturna ambulante usando algo bem inusitado, um caminhão betoneira.

A balada ocorre em qualquer ponto de Lyon, na França, toda a sexta-feira e sempre em frente a um canteiro de obra. Bufalino batizou sua criação de Disco Ball Cement Mixer. Ele colocou pedaços de espelhos em torno do tambor que mistura o concreto, que refletem a luz e o resultado é o mesmo do globo de danceterias.

Outros países

O artista também levou o seu caminhão de balada para outros países.

O Disco Ball Cement Mixer marcou presença no festival “IlluminArt”, realizado entre o final de fevereiro e o começo deste mês em Montreal, no Canadá. O veículo foi usado em diversas apresentações pelas ruas da cidade.

O designer de iluminação Benoit Deseille ajudou a projetar o caminhão para fornecer iluminação adequada. Por onde passa, as ruas ganham um ar vibrante e festivo, atraindo famílias, amigos, vizinhos e qualquer pessoa que esteja passando pelo local. O ponto em frente ao canteiro de obra se transforma rapidamente em uma pista de dança improvisada.

Benedetto Bufalino

Bufalino é um artista diplomado em 2005 pela Escola Superior de Artes Aplicadas (DSAA, na sigla original em francês). Ele se apresenta como criador conceitual e designer do espaço “Mémoire sur le Voyage de Proximité” (“Memórias sobre as Viagens nas Proximidades”, em tradução livre), na Ecole La Martinière Terreaux, em Lyon, na França, onde reside.

Os melhores vídeos do dia

O caminhão betoneira é a mais recente criação artística de Bufalino, que é conhecido por transformar coisas comuns do dia a dia em peças de arte. Entre suas obras estão carro transformado em mesa de pingue-pongue e até uma cabine telefônica em um aquário.

O portfólio do artista incluem ainda um carro usado como uma banheira, o interior de uma casa que virou quadra de tênis, a produção de um automóvel de madeira, trabalhos de camuflagem urbana até uma viatura policial que agora serve como galinheiro.