Kyhesha-Lee Joughin morreu após ter sofrido violência física e sexual extrema
Matthew Lee Williamson declarou em audiência na semana passada que não foi o autor do hediondo crime
Christopher Kent afirmou ter visto Williamson abusando de Kyhesha várias vezes
Kyhesha sofreu uma lesão interna tão dolorosa que não teria sido capaz de comer, beber ou se mover nas 12 horas que antecederam sua morte
Esta é a corda com a qual Williamson mantinha Kyhesha amarrada
1 de 5

Photogallery - Pai admite culpa pela morte de sua filha que sofreu abuso sexual terrível