Há quem acredite que de alguma forma é possível se comunicar com os entes queridos que se foram. Uma mãe britânica que perdeu o filho precocemente postou um conteúdo nas redes sociais que reforça essa tese para aqueles que acreditam no amor que supera dimensões como a vida e a morte.

Publicidade
Publicidade

A própria Marie Robinson, de 45 anos de idade, explicou como conseguiu conforto em seu coração para enfrentar a dor imensa que estava sentindo.

Ela conta passou pelo trauma extremo de perder o filho em abril de 2014, vítima de câncer. A criança, chamada Jack, tinha apenas 4 anos de idade quando os médicos descobriram um tumor em seu cérebro.

Todo o tratamento possível para tentar reverter o quadro foi feito, mas o pequeno paciente não resistiu.

Inglesa postou imagens nas redes sociais.
Inglesa postou imagens nas redes sociais.

A morte foi algo irreversível.

Marie também achou que a depressão causada pela saudade também seria irreversível, assim como a doença do garoto.

Mas viu que estava errada e que sempre há uma saída. Ela precisava continuar sua caminhada ao lado do pai do menino, suas três irmãs mais velhas e o gêmeo idêntico de Jack. Por isso, em um momento de desespero, no último sábado (1º), perto da data do aniversário da morte do menino, ela pediu a Deus forças e também um sinal que lhe mostrasse que seu filho está bem onde quer que esteja.

Publicidade

De acordo com ela, resposta veio no mesmo dia. “Na parte da manhã fui para o trabalho e pedi em voz alta para que Jack me enviasse um sinal. Quando saí do trabalho, por volta das 13 horas, andei até o cemitério e muito emocionada parei ao lado do seu túmulo. Nesse momento, um passarinho começou a voar bem perto. Ele tentou pousar em mim algumas vezes. Parou bem ao lado do meu pé e ficou me rondando sem o menor medo”, lembrou a mãe.

Muito tocada ela resolveu filmar a ave e flagrou momentos únicos.

Ele pousou na lápide e, quando Marie estendeu a mão, o pássaro pousou em seus dedos, olhando diretamente para seus olhos. Em meio às lágrimas ela disse que ele era lindo. Em um outro momento, o passadinho pousou em seu ombro e até mordiscou-lhe a pele de leve algumas vezes, como se estivesse querendo dizer algo.

Muito surpresa, mas com o coração reconfortado, Marie compartilhou as imagens em um vídeo no Facebook. O conteúdo já acumula mais de 10 milhões de visualizações.

Publicidade

Leia tudo