Na madrugada de terça-feira (19), moradores de Oahu, uma das maiores ilhas do Havaí (Estados Unidos), e de Honolulu, capital do estado, foram surpreendidos pelo surgimento de estranhas luzes em movimento no céu noturno.

De formato esférico e intenso brilho alaranjado, as anomalias aéreas foram notadas sobre casas e edifícios do município de Oahu, com mais de 1 milhão de habitantes. Assustados e confusos, testemunhas relataram o fato à emissora local KHON2, ainda naquela noite – veja a manchete.

Publicidade
Publicidade

Conforme a emissora, mensagens sobre a ocorrência foram encaminhadas ao site da empresa. Mash Hatae, por exemplo, que acordou às 2h30 da manhã para beber água, contou que teve a atenção direcionada ao céu, depois de notar as enigmáticas esferas.

Sem titubear, ele rapidamente começou a gravar a ocorrência.

No vídeo, duas luzes aparecem em destaque. Porém, segundos depois, uma terceira se manifesta. No entanto, Hatae disse ter visto cerca de oito luzes.

“Definitivamente era realmente incomum ver. Elas eram super brilhantes”, comentou à KHON2.

Mistério sem fim

Apesar dos brilhos esféricos não serem oficialmente identificados na terça-feira, moradores disseram acreditar se tratar de foguetes disparados pelo Exército durante treinamento militar na madrugada.

Publicidade

Todavia, de acordo com o jornal havaiano Hawaii News Now, a polícia descartou a relação das luzes com qualquer tipo de atividade militar. Inclusive, o jornal enfatizou que o porta-voz da Marinha afirmou não ter conhecimento de operações militares naquela data.

Para as autoridades, o episódio pode ter relação com a entrada de objetos celestes na atmosfera da Terra.

“A Guarda Costeira dos EUA disse que, com base nas descrições, é improvável que as luzes sejam fogos de socorro, mas que possivelmente possam estar relacionadas à atividade do meteoro”, revelou a repórter Chelsea Davis.

Autoridades apresentam ‘explicação’ nesta quarta-feira

Ainda que a polícia e as Forças Armadas tenham negado qualquer tipo de participação no episódio de terça-feira, após a grande repercussão uma explicação foi apresentada nesta quarta-feira (20).

Publicidade

“Na noite de terça-feira, um porta-voz da Marinha dos EUA disse ao Hawaii News Now que não sabia de nenhuma operação militar que tivesse coincidido com a luz.No começo da manhã de quarta-feira, no entanto, o Departamento de Defesa confirmou que um lançamento de mísseis ocorreu em Kauai apenas antes das luzes serem observadas”, salientou o jornal.

O Departamento de Defesa esclareceu que que o principal objetivo do lançamento era testar a funcionalidade de um sistema de defesa de mísseis balísticos.

Publicidade

Será?

Confira o vídeo e a reportagem na íntegra.

Leia tudo