5

Muitas vezes, quando um casal se prepara para ter um único filho – e haja preparação para este importante evento –, acaba até se assustando quando descobre que está, por exemplo, esperando gêmeos. Agora, imagine como seria ter não um, nem dois, mas 20 filhos biológicos. Segundo os sites Mail Online e The Sun, este é o caso de Sue (42) e Noel Radford (46), o casal que possui a maior Família de toda a Grã-Bretanha [VIDEO], e que afirmou recentemente que vai, definitivamente, 'fechar a fábrica' de bebês.

Os 'pombinhos' anunciaram que nesta semana o seu vigésimo descendente – Archie Rowan Radford – chegou ao mundo pesando 3,8 kg, e com isso, a dupla passou a ter onze meninos e nove meninas.

Pela ordem de nascimento, e sem contar Archie, estes são os seus filhos: Chris (28), Sophie (23), Chloe (22), Jack (20), Daniel (18), Luke e Millie (16, não são gêmeos e têm 10 meses de diferença), Katie (14), James (13), Ellie (12), Aimee (11), Josh (10), Max (oito), Tillie (sete), Oscar (cinco), Casper (quatro), Hallie (dois) e Phoebe, com 13 meses de idade.

Noel e Sue, da cidade de Morecambe, na Inglaterra, se conheceram ainda crianças, quando ela tinha apenas sete anos e ele 11. Ambos foram dados para adoção quando nasceram, e não quiseram que sua primeira criança – Sue passou pelo parto quando possuía 14 anos – tivesse o mesmo destino. Assim, mesmo com a pouca idade, eles decidiram manter Chris, e cerca de três anos depois se casaram.

Após a vinda ao mundo de Sophie, o casal passou a ter filhos com um espaço máximo de dois anos entre um nascimento e o seguinte, mas durante a nona gestação, Noel fez uma vasectomia.

Entretanto, a dupla decidiu que queira ter ainda mais crianças, e o pai britânico acabou revertendo a cirurgia em um processo chamado vasovasostomia.

A grade família

A rotina na casa da família Radford é bem dispendiosa: são consumidos três litros de suco, 18 litros de leite e três caixas de cereais por dia, sendo que o gasto semanal com alimentação gira em torno de £ 300 (aproximadamente R$ 1.280). Mesmo assim, o clã vive confortavelmente em uma grande casa, passa as férias fora do Reino Unido todos os anos e se orgulha de não possuir cartões de crédito ou necessitar de acordos financeiros para se manter.

Noel – dono de uma empresa de tortas – afirmou que sabia que em algum momento o casal precisaria parar de ter filhos, e tanto ele quanto a esposa chegaram à conclusão de que esta seria a hora apropriada. No entanto, ele confessou: "Eu me sinto triste de certa forma, mas agora nós podemos seguir em frente [com a vida] e curtir as crianças".

Sue disse ao The Sun que está satisfeita com o vigésimo bebê, e feliz por Archie estar "são e salvo" junto da numerosa família. Mas ela também sente um vazio por esta ser a última criança, pois declarou: "É estranho saber que você não vai ter mais [filhos]".

Mas se é por falta de crianças, talvez o casal nem precise se preocupar: Sophie já lhes deu três netos. Imagine se todos os filhos seguirem o exemplo dos pais...