A polícia da cidade de Richardson, no estado do Texas, procura uma menina de três anos de idade que desapareceu depois que o próprio pai a colocou para fora de casa como castigo por não querer beber todo o leite que tinha dado a ela. As autoridades chegaram a emitir um alerta Amber, que é um sistema de emergência para casos de rapto de crianças.

As buscas se iniciaram no sábado (7) de manhã e o alerta foi acionado no domingo (8).

Sherin Mathews foi deixada em um beco próximo de casa pelo pai adotivo Wesley Mathews, de 37 anos, que foi preso no sábado à noite, diante da acusação de maus tratos e abandono de incapaz. O homem foi solto um dia depois, após pagar uma fiança de 250 mil dólares.

De acordo com a polícia, no local onde a menina havia sido deixada, existe a presença de coiotes e outros animais selvagens. Sherin foi vista pela última vez às 3h da manhã, quando foi posta de castigo, e segundo o pai, quando voltou ao local 15 minutos depois ela já havia desaparecido.

Somente às 8h da manhã, os pais avisaram as autoridades sobre o sumiço da criança. A menina foi adotada na Índia e possui uma irmã mais velha de quatro anos, que já foi levada de casa pelo serviço de proteção de menores.

Segundo as autoridades, Sherin tem problemas de desenvolvimento e limitações na capacidade de comunicação. Como reporta o site de notícias Daily Mail, o pai adotivo Wesley Mathews contou que sabia da existência de uma grande população de coiotes na região, e mesmo assim deixou a criança para fora de casa sozinha.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Curiosidades

A mãe da criança estava dormindo no momento e não sabia da ação irresponsável do pai. Segundo informações, mesmo após ter notado o sumiço da filha, o pai adotivo voltou para a casa e começou a lavar roupa, esperando que a menina retornasse para casa por conta própria.

Investigação do caso

Os investigadores disseram que não existe nenhum indício de que algum animal tenha levado a criança para a mata.

A polícia informou que está usando cães farejadores na busca pela garota, e também está revendo câmeras de segurança que possam dar pistas de onde a garoto foi. Três veículos, celulares e notebooks da família foram confiscados para ajudar na investigação.

O caso é semelhante a outro ocorrido no Japão, quando um menino de 7 anos foi deixado pelos pais em uma floresta como castigo e dado como desaparecido por seis dias.

O local era habitado por ursos e outros animais selvagens. Ele foi encontrado pelas autoridades, escondido em uma cabana na floresta de Hokkaido.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo