Uma jovem criminosa, flagrada com uma gangue da Califórnia (EUA), está sendo apelidada da ‘’nova criminosa mais sensual do mundo’’. A exemplo do que aconteceu com Jeremy Meeks, também Mirella Ponce ficou famosa graças a sua foto de rosto, que ela tirou quando foi detida pela Polícia. Para ficar registrada, ela teve que tirar aquela foto, encostada na parede, e isso foi o suficiente para se tornar viral. A foto caiu na internet, e não demoraram as ofertas de ajuda para tirar a bonita morena da cadeia.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Polícia

Mirella Ponce foi presa por duas acusações de crime, depois que foi detida por policiais em um veículo com uma criança e uma arma carregada, em Fresno, na segunda-feira (23).

A jovem de 20 anos, sabe-se agora, é membro do Tiny Rascal Gang (TRG) e foi presa junto com outros dois membros que seguiam no mesmo carro, de acordo com a polícia. TRG é uma quadrilha da Califórnia que é predominantemente cambojana-americana. Começou na década de 1980 e estima-se que haja 10 mil membros em todo o país.

Mirella está sendo acusada de levar uma arma de fogo escondida e uma outra arma roubada, e ambos foram considerados delitos. Sua fiança foi fixada em US$ 50 mil (R$ 164,5 mil) para cada uma das acusações. As informações sobre sua prisão, sua foto de rosto e uma foto da arma de mão lilás que, supostamente, levava com ela quando foi parada pela polícia foram compartilhadas para a página do Facebook do Departamento de Polícia de Fresno, mas foi a beleza da jovem criminosa que mais chamou as atenções.

As numerosas tatuagens no peito e pescoço de Mirella são visíveis na foto de prisão, onde ela pode ser vista olhando para a câmera. Desde que foi compartilhada na quarta-feira (25), a postagem do Departamento de Polícia com sua foto de rosto se tornou viral, com quase quatro mil ações e milhares de comentários.

Alguns dos usuários do Facebook até se ofereceram para liberar Ponce da prisão. "Quanto é a fiança que eu vou pagar", escreveu um usuário, mas um dos comentários mais populares dizia: "O único crime que ela cometeu foi roubar meu coração". Várias pessoas estão comentando que essa menina precisa sair dessa vida, pensar nela e em seus filhos. Muitos imaginam que ela poderia dar certo no mundo da Moda.

A foto de rosto na cadeia de Mirella não é a primeira a ser viral. Em 2014, Jeremy Meeks foi preso por acusações de posse armas de fogo e grandes roubos. Sua foto se tornou viral nas mídias sociais e, depois disso, ele se lançou em uma carreira de modelo de sucesso, quando saiu da cadeia em setembro de 2016. Meeks está atualmente namorando Chloe Green, filha do bilionário Sir Philip Green e herdeira do império Topshop. Será que Mirella também vai dar sorte?