Duas pessoas morreram e centenas tiveram que abandonar suas casas em Nigrán e outras localidades da Galícia, na Espanha [VIDEO], por causa dos incêndios florestais que assolam a região desde sábado (14). As violentas chamas estão trazendo consequências graves para os moradores e destruindo parte da vegetação galega em um estágio de risco real para os habitantes de onze lugares repartidos entre as províncias de Lugo, Ourense e Pontevedra.

O fogo está sendo combatido por 350 brigadas do corpo de bombeiros de várias cidades [VIDEO] da Galícia com toda sua estrutura e com o apoio do Ministério da Agricultura e Pesca, Alimentação e Meio Ambiente.

O esforço conjunto ainda não conseguiu combater os incêndios que já devastaram mais de 4.000 hectares contabilizando o registro de 146 focos.

Segundo o último boletim das autoridades galegas, dezesseis pontos ainda estão sendo consumidos pelas chamas espalhadas por quatro províncias e outros três estão estabilizados, além de outros dez pontos que foram controlados após o combate efetivo de quatro incêndios. Os bombeiros estão alertando os moradores para deixarem os locais próximos aos incêndios e retornarem apenas depois que as chamas forem controladas.

Algumas escolas da região informaram que cancelaram as aulas desta segunda-feira (16) apesar do fogo não ter atingido as instalações.

Os melhores vídeos do dia

Instituições acadêmicas como a Universidade de Vigo, disseram que a decisão foi tomada porque a região galega vive uma situação de emergência por causa dos incêndios que se agravaram nas últimas horas.

Furacão deverá chegar à Galícia nesta segunda

A região da Galícia recebeu um alerta laranja para para a chegada do furacão Ofélia, que deverá deixar rajadas de até 100 km por hora, segundo a Meteogalicia. O furacão Ofélia está se dirigindo à Irlanda, mas como a Galícia está em seu caminho, além de uma tempestade no litoral, também haverá consequências em terra, piorando ainda mais a situação dos moradores que já estão sofrendo com os incêndios florestais, em especial na província de Pontevedra.

A temperatura também sofrerá alterações consideráveis com a passagem do furacão. Está prevista uma queda acentuada com quedas de 10 graus Celsius em alguns pontos da Galícia, onde neste domingo (15) os termômetros chegaram a registrar 30 graus. Depois de passar pela costa galega, o furacão Ofélia seguirá sua viagem para a Irlanda.

De acordo uma nota emitida pela Agência Estatal de Meteorologia (AEMET), um relatório do National Hurricane Center (NHC), sediado em Miami, de onde monitora os ciclones tropicais no Atlântico Norte, informou que o furacão Ofélia continua em desenvolvimento desde que entrou em atividade no dia 13 de outubro.