O colombiano Jerson Trujillo teve sua história contada pelo site da BBC e provocou muita polêmica. [VIDEO] Ele tinha vontade de ficar com o rosto mais feminino e, para isso, passou por muitos procedimentos estéticos. Tudo ia bem, até que algo deu bastante errado.

Ao ir a uma médica, há cerca de quatro anos, ela sugeriu que ele fizesse a ingestão de um líquido desconhecido nas maçãs do roto. Com a vontade de ficar mais parecido com uma mulher, ele topou o procedimento e virou um ‘’monstro’’.

Rapaz faz tudo por cirurgia plástica, mas acaba dando tudo bem errado

O rapaz disse que foi ingênuo ao passar pelo procedimento cirúrgico.

Em entrevista à BBC, publicada nesta segunda-feira (16), ele falou sobre o que aconteceu. O rapaz acabou tendo uma hidratação errada nessa parte do corpo e que hoje está parecido com um "monstro".

O rapaz contou que a médica colocou muitos óleos em sua face e que isso causou problemas. O problema é que ele já tinha feito outros procedimentos, que se misturaram em seu rosto. Com isso, a face do colombiano começou a ficar muito machucada e saiu muito pus dessa região do corpo.

O mal do jovem que abusou das cirurgias plásticas, mas que teve cruel destino

"Quando ela realizou o procedimento, injetou alguns óleos na minha cara. Esses óleos fizeram uma fusão com a substância que eu já tinha no meu rosto, sem eu saber", contou ela ao falar sobre o assunto.

De acordo com ele, demoraram três meses para que o seu rosto tivesse nódulos de inflamação.

Essa parte começou a ficar quente e foi piorando cada vez mais, até que muito pus começasse a sair das maças da face.

Novas cirurgias plásticas podem ajudar jovem que ficou com rosto destruído

Inicialmente, o colombiano achou que a situação passaria rapidamente, mas o que se viu foi uma piora gradual e muito assustadora. Ele diz que o seu rosto foi ficando pobre. O jovem corria seria risco. Para evitar perder toda a estrutura da maçã dos rostos, o jovem, que tem hoje 28 anos, passou por mais procedimentos cirúrgicos. Metade do seu rosto já foi recuperado, mas ainda falta uma boa parte, que Trujillo acredita, em tom de esperança, que vai conseguir recuperar com o tempo.

O tema abriu uma séria discussão sobre os problemas com a cirurgia plástica e também do exagero dos procedimentos. No Brasil, a modelo Andressa Urach, por exemplo, viveu uma situação parecida, após o hidrogel colocado em sua perna inflamar. Ela quase teve que amputar essa parte do corpo em que estava o produto.