Um homem afirmou que foi estuprado por uma mulher durante um tratamento de massagem. A vítima foi identificada como Josh Burbridge, de 23 anos. Segundo ele, procurou uma massagista para aliviar suas dores musculares em suas costas depois de exagerar em uma noite de Halloween no sábado (28). O caso foi registrado na cidade de Kent, pertinho de Londres, na Inglaterra. Segundo informações repassadas pela Polícia, confirmou a veracidade dos fatos, acrescentando que a vítima na segunda-feira (30), tinha ao local para uma massagem para tratar as dores que ele estava sentindo. [VIDEO]

Segundo o homem, após os 45 minutos de massagem, a massagista tirou a sua roupa, agarrou seus órgãos genitais e tentou realizar um ato sexual nele.

A mulher também exigiu que o homem pagassem um dinheiro extra. A identidade da mulher não foi revelada devido à investigação que está em andamento. Narrando o caso, o homem disse que assim que chegou à sala de atendimento ele tirou sua camiseta e ficou e ficou apenas com uma calça jeans. Neste momento o rapaz disse que a mulher pediu para ele tirar toda a roupa e se enrolasse em uma toalha. Em seguida, a mulher começou a fazer as massagens. [VIDEO]

Após 30 minutos, o homem alega que a mulher pediu para ele se virar de barriga para cima. Segundo a vítima, a acusada começou a massagear seu peito e sua virilha. Porém, neste momento o homem relata que a mulher começou a tirar a toalha que estava enrolada em seu corpo, em seguida, começou a tocar em seus órgãos genitais."Quando ela começou a acariciar meus órgãos genitais, eu não sabia o que fazer [VIDEO]", disse o homem.

Segundos depois, o jovem disse que pediu para a mulher para de tocar em suas partes íntimas.

No entanto, ela mulher pediu para ele pagar um extra de 40 libras (cerca de R$ 144), além das £ 35 libras que tinha pago antecipadamente. Ele disse que não tinha dinheiro e foi solicitado a pagar pelo cartão. Sentindo-se desconfortável e sabendo que não havia dinheiro em sua conta, ele seguiu em frente e o cartão foi recusado. Ele então saiu, dizendo que ele teria que resolver o assunto com seu banco. Refletindo sobre a experiência, ele disse: "eu senti que ela achava que era uma coisa tão normal. Eu apenas senti uma sensação muito ruim sobre o que aconteceu”.

Segundo informações repassadas pela polícia, policiais receberam uma ligação da vítima na terça-feira (31), relatando o incidente por volta das 13 horas, na ligação, o homem relatou que foi vítima de agressão sexual durante uma seção de massagem. A polícia informou que o caso está sendo investigado. Qual a sua opinião sobre está história? Compartilhe seus pensamentos na seção de comentários logo abaixo.