Já mostramos aqui neste portal de notícias diversos casos envolvendo acidentes com o uso de aparelhos celulares. Na maioria das vezes, o acidente ocorre de forma inesperada, trazendo consigo resultados irreparáveis, de modo que chega a chocar internautas por todo o mundo. Sabemos que o uso de um celular é algo bastante útil nos dias atuais, mas poucas pessoas têm se prevenido contra os perigos que podem causar [VIDEO].

Foi o caso da vietnamita Le Thi Xoan, de apenas 14 anos. Ela acabou vindo a óbito enquanto dormia ao ser eletrocutada. Ela dormia com o celular ao lado, enquanto estava sendo recarregado. Porém, o cabo do seu iPhone estava com defeito, o que ocasionou o choque elétrico.

O cabo já havia sido quebrado, porém, ela teria consertado e colocou um pedaço de fita isolante para tapar o lugar onde o fio estava exposto. Ela acabou dormindo e deixou o celular carregando bem próximo ao seu corpo, em cima da cama.

Porém, a jovem acabou rolando para o lado, ocasionando o rompimento do cabo bem no local onde ela havia feito a emenda. Com o seu corpo sobre o fio descascado, o choque foi inevitável [VIDEO].

Segundo informações da polícia local, a família da jovem estranhou no dia seguinte vê-la ainda deitada fora do horário. Ao ir até o quarto da garota, constataram que ela havia sido eletrocutada. Desesperados, os pais a conduziram às pressas para uma unidade de saúde para socorrê-la, mas, os médicos, mesmo com todos os esforços e recursos disponíveis, não conseguiram fazê-la recobrar a consciência, de modo que avisaram a família sobre sua morte por eletrocussão.

A polícia ainda foi até a casa da jovem para realizar a perícia, onde constatou que o cabo do celular estava queimado sobre a cama da adolescente. Perceberam que um pequeno corte na borracha de proteção do cabo havia provocado a saída da eletricidade. Segundo a investigação, a jovem teria conectado o cabo em seu iPhone 6, deixado sobre a cama e, logo em seguida, pegado no sono. Para a família, a jovem fazia isso todas as noites e talvez nunca imaginasse que isso poderia vir a acontecer.

Ainda conforme os investigadores, a tragédia veio a atingi-la enquanto estava dormindo, o que não permitiu uma reação da vítima. Ainda não foi divulgado se o cabo era um original da Apple ou um similar, pois se sabe que em um similar os riscos são ainda maiores. Pelo fato da jovem ter usado uma fita isolante no cabo, mostra que estava ciente do desgaste, mas decidiu continuar utilizando-o, colocando a própria vida em risco.