Uma nova tragédia se abateu sobre os americanos. O Ataque cruel repercute pelo mundo todo.

Um tiroteio em uma igreja de Sutherland Springs, no estado americano do Texas, neste domingo (5), deixou ao menos 27 mortos e 24 feridos dentro do templo, segundo a contagem atual das vítimas. Entre os mortos está uma criança de apenas dois anos de idade.

Os sites dos Estados Unidos não dão números exatos da tragédia, mas citam que 'diversas' vítimas foram atingidas 'fatalmente'.

O ataque ocorreu na Primeira Igreja Batista, por volta das 11h30min, hora local. Havia cerca de 50 fiéis no local, conforme noticiou a imprensa estrangeira.

Massacre

Testemunhas relataram que um homem entrou e abriu fogo contra a multidão durante o culto. Foram ouvidos dezenas de tiros. Os corpos ficaram estendidos dentro da igreja, erguida em uma comunidade pequena e considerada, até então, pacata pelos seus moradores.

Segundo a emissora de televisão Fox News, as autoridades classificaram o ataque como um ‘tiroteio em massa’.

Os feridos foram levados por socorristas a hospitais da região em uma grande, ágil e solidária operação de resgate.

Atirador morto pela polícia

Após promover a matança de fiéis, o autor dos disparos foi morto em confronto com policiais. De acordo com a polícia, ele foi identificado como Devin Patrick Kelley, de 26 anos, um ex-professor de estudos bíblicos. Segundo a rede CBS News, serviu na Força Aérea entre 2010 e 2014 e acabou sendo levado ao tribunal marcial e expulso por 'dispensa desonrosa'.

A área em volta da igreja foi isolada com forte presença policial e reforço de seis helicópteros. O FBI e a polícia do Texas investigam a motivação do ataque.

A comunidade local e o país inteiro estão perplexos tentando entender as razões de mais uma tragédia.

Repercussão

Ao falar em uma entrevista à rede de televisão americana CNN, Albert Gamez Jr, comissário de polícia, disse temer um número ainda maior de vítimas. Ao lamentar o crime, falou que seu coração está partido com um fato que parece inacreditável.

Sutherland Springs é uma localidade com aproximadamente 400 habitantes, localizada a 48 quilômetros da cidade de Santo António, reportou a agência Associated Press.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, enviou do Japão, pelo Twitter, mensagem de solidariedade às vítimas do ataque pedindo que Deus esteja com o povo de Sutherland Springs.

Sem trégua

O ataque ocorre apenas um mês depois do pior tiroteio [VIDEO]já registrado na história dos Estados Unidos [VIDEO]. Sessenta pessoas foram mortas e mais de 500 ficaram feridas durante um show com milhares de pessoas em Las Vegas, cidade mais populosa do estado de Nevada.