Uma adolescente, que acaba de terminar sua batalha contra o câncer, experimentou mais um evento traumático que a deixou com uma cicatriz mais profunda pelo resto de sua vida.

Enquanto ela está começando a apreciar a vida de novo, ela perde a fé na humanidade enquanto era estuprada por dois amigos [VIDEO]. Em seguida, foi deixada em um lugar abandonado e foi molestada pela segunda vez.

Vítima encontrou um dos agressores no supermercado

Conforme informações da imprensa local, uma sobrevivente de câncer de 15 anos foi violentada sexualmente por dois de seus próprios amigos no último fim de semana.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Polícia

De acordo com relatos da Polícia, a adolescente estava comprando mantimentos de um mercado próximo em Lucknow, Uttar Pradesh, na Índia, por volta das 16h30, no último sábado (9).

Ainda dentro do supermercado, enquanto ela estava escolhendo os itens que iria comprar, ela encontrou um amigo, identificado apenas como Shubham, que se ofereceu para deixá-la em sua casa usando sua bicicleta.

Adolescente é levada para um local isolado e estuprada por dois homens

No entanto, em vez de levar a vítima para casa, o acusado desviou caminho e levou a jovem para um lugar isolado, onde Shubham e outro amigo chamado Sumit estupraram a adolescente até cerca de 23hora [VIDEO]. Após cometerem o crime, os acusados fugiram do local, tomando rumo ignorado.

A vítima de estupro pediu ajuda para homem e foi estuprada novamente. De acordo com a adolescente, ela pediu ajuda para um homem, identificado com Virendra Yadav. Porém, em vez de ajudá-la, o homem a estuprou novamente [VIDEO].

Em seguida, a jovem foi abandonada em uma estrada.

Moradores locais acionaram a polícia relatando que uma jovem havia sido vítima e estupro. Conforme relatos, a polícia chegou ao local por volta das 2 horas da madrugada de domingo (10), e levou a garota para casa.

Um dos acusados de estupro foi preso e outros dois estão foragidos

O pai da menina foi até uma delegacia de polícia da localidade e registrou uma queixa contra os suspeitos. Policiais de Lucknow confirmaram o caso. Um porta-voz da polícia disse que Yadav foi preso na manhã de domingo, na cidade de Bijnaur Chauraha. Os oficiais ainda estão procurando os outros dois acusados. A vítima já foi submetida a uma avaliação médica para confirmar o abuso.

Segundo a polícia, a menor teria acabado de sofrer tratamento para leucemia, que durou cinco anos em um hospital em Lucknow. Qual a sua opinião sobre esse crime bárbaro? Deixe seus comentários logo abaixo.