Uma aldeia foi a leilão neste sábado (9) na Europa, mais precisamente na Alemanha, no estado de Brandemburgo. A aldeia de Alwine foi arrematada por cerca de 140 mil euros, que equivalem cerca de R$ 542 mil, considerando a cotação do euro de sexta-feira (8).

A tristeza dos residentes devido ao estado da vila

Paul Urbanek, um dos residentes da aldeia, disse à rede britânica BBC que quando sobe as escadas sente-se muito triste pelo fato de tudo estar degradado e imundo. Segundo a Euro News, o administrador do município de Domsdorf, Peter Kroll, declarou de que era necessário demolir tudo, pois não havia outra alternativa para a vila, dado o estado degradante em está, pelo menos por conta do mau estado das construções.

Tudo isto, claro, antes da aldeia ser arrematada.

O leilão incluiu as casas, dependências, galpões e garagens, além dos terrenos.

A necessidade de um investidor-anjo, o remate por telefone e o perfil dos habitantes

Certamente a única salvação seria um leilão para a pequena vila de cerca de 17 mil metros quadrados, situada na antiga Alemanha do Leste comunista. Mas não só isso não bastaria. Seria necessário também que o proprietário fosse um investidor, ou ao menos isso era o esperado dado o estado dos edifícios, já que o ideal perfil do comprador é que fosse alguém disposto a investir na área.

Os lances começaram com o valor inicial de 125 mil euros estabelecidos pela especialista imobiliária em leilões, a sociedade Karhausen.

Apesar da boa notícia, o responsável pelo remate preferiu permanecer anônimo. A oferta foi dada por telefone.

Para a felicidade dos habitantes da vila pacata, em mau estado, desajeitada e com casas deterioradas, não precisou esperar muito para poder respirar mais aliviado, já que ela foi arrematada rapidamente por 140 mil euros.

A vila fica a 120 km ao Sul de Berlim. Por incrível que pareça, a pequena vila de casas tem apenas 20 habitantes, na sua maioria aposentados.

Pelo jeito, o novo proprietário precisará pôr a mão na massa para levantar Alwine, ou melhor, pôr a mão no bolso literalmente. Afinal de contas, os habitantes já podem ficar tranquilos pelo menos por hora.

O novo dono da vila Alwine terá pela frente a reforma de dez casas, além de terrenos, cabanas e bosques, uma área de 16.800 metros quadrados.

O que você, leitor, o que achou do preço da vila e da opção utilizada para o remate? Você é livre para deixar a sua opinião e copiar e colar o endereço deste artigo em qualquer mídia social.

Siga a página Curiosidades
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!