As últimas semanas tem sido de grande agitação pela ousadia da Coreia do Norte em desafiar o mundo e as restrições da ONU e EUA [VIDEO]por causa dos constantes testes de mísseis no oceano.

Para comemorar suas "grandes conquistas", a Coreia do Norte realizou uma grande celebração unindo as principais lideranças Militares, do Partido dos Trabalhadores e do Governo, tomando as ruas para celebrar o sucesso do lançamento do último míssil, a festa incluiu até fogos de artifícios e danças.

Milhares de soldados conforme estampa do jornal do Partido dos Trabalhadores foram aclamados pela grande massa humana que estava reunida na praça Kim Il-Sung de Pyongyang, que estava decorada com grandes retratos dos líderes da Coreia do Norte.

"Com todo nosso coração, festejamos o lançamento bem-sucedido do Hwansong-156 (míssil) que mostrou para todas as nações do mundo a grandeza e o poder da Coreia do Norte" (mensagem em cartaz nas mãos de militantes)

Após o sucesso do lançamento do novo míssil balístico intercontinental, Kim Jong-un, Líder da Coreia do Norte, [VIDEO] disse que a nação conseguiu alcançar seu objetivo de se tornar uma grande potência nuclear. O governo dos Estados Unidos (EUA) ficarou indignado e garantiu que irão destruir totalmente o regime de Kim Jong-un.

O líder coreano não esteve presente na celebração como de costume, mas o ato realizado na última sexta-feira conseguiu reunir no evento os principais líderes. Alguns cartazes homenageavam o líder coreano "vida longa ao general Kim Jong-un que trouxe a Coreia o status nuclear".

Os melhores vídeos do dia

Teste do míssil

Na última terça-feira (28) foi feito o anúncio do lançamento realizado, de acordo com a agência de informações Yonhap News, da Coreia do Sul. Segundo avaliação do Pentágono, o míssil se trata de um balístico intercontinental (ICBM), que percorreu cerca de mil quilômetros caindo no Mar do Japão. Segundo agência americana, o lançamento não representa ameça para os Estados Unidos, mas reconhecem que ele alcançou uma altitude superior do que as anteriores.

A altitude alcançada pelo míssil foi de 4000 Km de altitude, sendo record de alcance para um projétil norte-coreano indicando um avanço perigoso para o programa de armas da Coreia do Norte. Tudo isto está acontecendo em um período curto de tempo.

O mundo tem ficado alerta, segundo algumas fontes de informação uma grande Ameaça de guerra está no ar. Líderes de todo o mundo tem se reunido para debaterem sobre as decisões futuras em relação a Coreia do Norte.