Casos de abusos sexuais são mais frequentes do que muitas pessoas imaginam. Muitas vezes, os abusos são cometidos por pessoas próximas. Quando um crime assim acontece, é muito comum que a população fique revoltada.

Ninguém concorda com o fato de uma pessoa obrigar outra a fazer algo que não deseja. Muitas das vezes, a população faz justiça com as próprias mãos quando se deparara com um caso de abuso.

Um caso que aconteceu nos Estados Unidos, acabou repercutindo internacionalmente. Um deputado americano acusado de abuso sexual [VIDEO], foi encontrado morto na última quarta-feira (13). Segundo informações publicadas no G1, o deputado foi encontrado morto com um tiro na cabeça.

Ao que tudo indica, ele teria se suicidado.

O deputado em questão se chama Dan Johnson. Um pouco antes dele ter sido encontrado sem vida, fez uma publicação no Facebook, no qual ele estaria negando que as acusações feitas contra ele fossem verdadeiras.

De acordo com o Louisville Courier-Journal, o deputado afirmava em sua publicação que todas as acusações eram isentas de verdade e apenas Deus saberia a verdade. Entretanto, a mensagem foi apagada um pouco depois de sua publicação.

Foi no ano de 2012, que uma adolescente de 17 anos fez as acusações contra o parlamentar. Segundo a jovem, o abuso teria acontecido durante uma festa realizada no fim de 2012.

De acordo com a explicação que o juiz de instrução David Billings, do condado de Bullit, deu a imprensa, foi a publicação feita pelo próprio deputado que fez uma busca ser deflagrada e por consequência, encontrar Johnson morto com um tiro na cabeça.

Os melhores vídeos do dia

Burburinho nas redes sociais

A morte do deputado causou um grande barulho nas redes sociais. Muitos internautas têm considerado que isso é muito estranho. Algumas pessoas comentaram que o deputado tinha uma carreira brilhante e tinha tudo para viver e por isso eles não conseguem acreditar em hipótese alguma que Dan teria cometido suicídio.

Por outro lado, outros usuários das redes sociais, afirmaram que talvez ele realmente tenha tirado sua própria vida, pois as leis americanas são severas em casos assim. Sendo assim, eles acreditam que por isso, ele tenha preferido a morte, ao invés de enfrentar a possibilidade de uma possível condenação no tribunal.

Amigos do parlamentar lamentaram esse triste incidente e usaram as redes sociais para dar o último adeus a Dan.

Lembre-se de deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante para a nossa equipe e sempre ajuda no diálogo de temas com relevância para a nossa sociedade.