Em 1980, militares norte-americanos e ingleses trabalhavam em conjunto na base da Força Aérea Real (RAF) no condado de Suffolk (Inglaterra), quando o então piloto Larry Warren, na época com 19 anos (hoje com 56), foi surpreendido pela aparição de um alegado objeto voador não identificado [VIDEO] (OVNI/UFO) e seus tripulantes.

Registrado na floresta de Redlesham, o caso repercutiu em todo o mundo. Além dele, outros colegas também presenciaram a cena.

Porém, Warren sempre contou observar seres alienígenas [VIDEO], ao contrário das demais testemunhas, que afirmavam notar somente a nave.

Com objetivo de corroborar seu depoimento, o militar aposentado recentemente recorreu ao teste do polígrafo. De acordo com o jornal britânico The Sun, o exame feito por um especialista do Reino Unido apontou que Warren disse a verdade.

Todas as respostas acerca do fenômeno, registrado durante três noites consecutivas, em dezembro de 1980, foram consideradas verdadeiras.

Diferente dos três homens da força aérea que, durante as investigações notaram luzes e a peculiar estrutura, Larry revelou observar entidades distintas, descritas por ele como “pequenos seres alienígenas avistados debaixo de um objeto triangular preto”.

Na ocasião, até mesmo o militar de alta patente tenente-coronel Charles Halt, reparou no inusitado episódio, onde luzes intermitentes foram vistas se deslocando entre as árvores da floresta.

Os melhores vídeos do dia

“Eles ficaram chocados quando um feixe de luz atingiu o chão perto de onde estavam. Três homens da força aérea foram enviados para investigar e chocantemente, um deles até tocou o ofício ”, comenta a jornalista Susannah Keogh.

Embora a ideia de ET´s atuarem no nosso planeta pareça loucura, os envolvidos no acontecimento - indivíduos treinados para identificar anomalias - sempre mantiveram as afirmações.

Para Gary Heseltine, detetive aposentado da polícia inglesa, atualmente editor de uma revista especializada no tema (UFO Truth), o resultado indica que Larry Warren realmente viu criaturas e uma nave de outro mundo.

“O polígrafo bem sucedido reivindica minha convicção de que sua [história] era verdade o tempo todo”, comenta Heseltine.

Ainda que relatos sobre aliens e outras esquisitices sejam documentados há séculos em diferentes períodos da sociedade, o que sabemos sobre os mistérios do mundo é apenas uma gota. O que desconhecemos é um oceano.

Portanto, aprecie com moderação.