Abdução alienígena [VIDEO] e até mesmo a entrada em um portal dimensional são argumentos usados pelos teóricos da conspiração para explicar o misterioso desaparecimento do bombeiro canadense Constantinos "Danny" Filippidis, 49 anos, na quarta-feira, 7 de fevereiro.

Ao esquiar com colegas nas montanhas geladas do estado de Nova Iorque, ele sumiu sem deixar vestígios. De acordo com a tradicional emissora estadunidense NBC, o bombeiro foi encontrado nesta terça-feira (13), em Sacramento, na Califórnia, a mais de 3 mil quilômetros de distância de onde estava. Veja a manchete.

O homem também trajava as mesmas roupas do dia em que desapareceu, inclusive os óculos de esqui, a máscara e o próprio equipamento.

Segundo os amigos, os pertences e o carro de Filippidis estavam no estacionamento do hotel. Ele sumiu sem levar nada, nem mesmo a carteira ou o passaporte.

Apesar de cerca de 7 mil voluntários, além da polícia e dos bombeiros, procurarem o canadense nas montanhas, ele não foi achado. Até mesmo helicópteros e cães farejadores foram empregados na busca.

“O Departamento de Segurança Interna, a Polícia do Estado de Nova York, o Departamento de Conservação de Nova Iorque, a Alfândega dos Estados Unidos e a Proteção de Fronteiras e os funcionários em Toronto ajudaram na busca”, reporta a NBC.

Porém, seis dias depois ele ligou para a polícia de Sacramento (Califórnia), sem saber como chegou na cidade e há quanto tempo estava lá. Embora estivesse mentalmente confuso, autoridades relataram que Filippidis apresentava bom estado de saúde.

Veja abaixo uma breve reportagem da NBC exibida no Facebook.

Profissional exemplar

Casado e pai de dois filhos, Filippidis é bombeiro veterano com 28 anos de carreira. Conforme Frank Ramagano, presidente dos bombeiros profissionais de Toronto (Toronto Professional Firefighters), o colega encontrado confuso e incapaz de dizer como chegou à Califórnia, a mais de 3 mil quilômetros de onde estava, não tem histórico de doenças mentais ou abuso de drogas e álcool.

Até o momento, nem as autoridades ou o próprio protagonista deste enigma conseguem explicar como tudo aconteceu. Porém, conspirólogos já estão divulgando vídeos com teorias próprias.

Abdução alienígena? Portal dimensional?

Ainda que não haja resposta oficial para o insólito episódio, o youtuber Tyler Glockner, administrador de um popular canal na plataforma, em vídeo intitulado “Esquiador teletransportado a 2.900 quilômetros de distância da montanha”, compara o caso do bombeiro ao vivenciado por Travis Walton, que desapareceu na Floresta Nacional Apache-Sitgreaves, no Arizona, em novembro de 1975, durante cinco dias.

Quando voltou, Walton jurou ter sido abduzido por extraterrestres [VIDEO]. O caso foi descrito no livro Fogo no Céu, que mais tarde virou filme.

"Como um bombeiro casado em uma montanha desaparece repentinamente da face do planeta aparentemente, de repente, acaba na Califórnia?", indaga Glockner.

Confira o vídeo abaixo.