Alguns casos de gravidez na adolescência chamam a atenção pelo fato das mães não estarem preparadas para gerarem [VIDEO] e, mais tarde, cuidarem de um ou mais bebês. Essas mães, no geral, também são crianças. Elas passam por transformações no corpo e isso acaba gerando muita atenção das autoridades médicas. Alguns profissionais fazem de tudo para tentar reverter o jogo e evitar que novas adolescentes fiquem nessa condição, mas, infelizmente, [VIDEO] até mesmo dentro de casa algumas crianças podem acabar sendo vítimas da dura realidade.

Nessa semana, um caso envolvendo uma menina da cidade de Múrcia, na Espanha, teve repercussão em todo o mundo.

A garotinha, de apenas onze anos, chocou os médicos da cidade de Múrcia. Ela entrou na unidade sentindo fortes dores na barriga. Acreditou-se, inicialmente, que ela estivesse com dores no estômago, porém, os profissionais da saúde descobriram algo muito mais sério. Ela estava grávida.

Menina de 11 anos engravida do próprio irmão, de apenas 14, na Espanha

As autoridades começaram a investigar a situação, afinal, não é todo dia que um fato como esse acontece. A menina contou que tinha relações com o próprio irmão, de quatorze anos de idade. Os pais revelaram que nem imaginavam a relação de incesto que aconteceu na própria família. A bomba apenas veio à tona quando a barriga da menina começou a crescer e todos descobriram a gravidez. Pela pouca idade, nem mesmo a menstruação da menina chegou a vir.

Ela ficou grávida antes mesma de seus pais comprarem absorventes e outras substâncias que ajudam as mulheres durante o período menstrual.

Garota sente dor no estômago, mas, aos 11 anos, descobre que daria à luz a filho do irmão

Por se tratarem de crianças tão novas e, pior, da mesma família, o caso virou um escândalo nacional e ganhou proporção mundial ao ser noticiado pelo tabloide 'The Sun'. Além disso, mesmo que tenha sido consentido, as relações na Espanha são permitidas apenas aos 16 anos. Dessa maneira, o garoto ainda deverá responder pelo seu ato. A lei também pode favorecê-lo pelo mesmo motivo, afinal, ele não era tão mais velho assim que a irmã, também tem menos de 16 anos e em nenhum momento a garota acusa o adolescente de ter estuprado ela.

Pelo contrário, os detalhes mostram que irmã e irmão, na verdade, comportavam-se como marido e mulher e até viviam como se estivessem em uma história de amor. O assunto gerou revolta e há quem acredite que ambas as partes devem ser punidas. #gestante #Menina grávida