Um caso inacreditável aconteceu nos Estados Unidos da América. Um homem está sendo acusado de incesto, e foi preso. Tudo porque a esposa o acusou de ele a ter deixado para ficar com a filha do casal, que eles tinham abandonado, para adoção, 18 anos antes. Agora, eles se reencontraram e, supostamente, se apaixonaram. Certo é que existe um bebê desse relacionamento, que confirma o incesto [VIDEO]e o crime.

Casal reencontrou filha que deixaram para adoção

Que caso incrível, o de Steven Walter Pladl, de 42 anos, e sua filha biológica Katie Rose Pladl, agora de 20 anos. Pai e filha foram presos na semana passada, em sua casa, depois que a esposa de Steven disse à Polícia que ele engravidou sua filha.

Segundo os mandados, Katie foi abandonada para adoção, depois que ela nasceu. Quando completou 18 anos,ela resolveu procurar seus pais biológicos e usou as redes sociais para isso, e conseguiu mesmo conhecer seus pais, aqueles que a abandonaram, assim que ela nasceu.

No entanto, as circunstâncias mudaram e, possivelmente, por terem outra maturidade, em agosto de 2016, os pais receberam Katie de volta em sua casa, perto de Richmond, Virgínia. Katie estava finamente morando com seus pais e seus dois irmãos, mas o caso estava longe de terminado.

Pai e filha se apaixonaram

Em agosto, a família se reuniu para três meses depois sofrer a mais drástica das mudanças. Em novembro de 2016, Steven se separou legalmente de sua esposa, e ela contou às autoridades que Steven estava dormindo no quarto de Katie.

A esposa também disse que ela soube que sua filha estava grávida e que Steven era o pai, em maio de 2017, depois de ler um dos diários de suas outras crianças.

Segundo os mandados da polícia, Steven teria pedido a seus dois outros filhos que tratassem Katie como sua mãe [VIDEO], embora ela fosse sua irmã. Quando soube da gravidez, a ex-esposa tentou contatar Steven, para saber se era verdade, e ele admitiu que sim, e que o filho era seu. Não só ele assumiu logo a paternidade da criança, como ainda falou que queria se casar com Katie. Entretanto, a jovem grávida estava mais feliz do que nunca e até postou uma foto no Instagram, em julho, declarando que ela e Steven se casaram, embora eles não o pudessem fazer, legalmente.

Presos aguardando julgamento

Entretanto, as autoridades policiais foram obrigadas a intervir e foram emitidos mandados para sua detenção em novembro. Como eles se tinham mudado, eles só foram detidos em janeiro. As autoridades confirmaram que, quando eles foram presos, um bebê estava com eles. De acordo com o pai, a criança havia nascido em setembro. Pai e filha estão em um centro de detenção, aguardando por julgamento, no condado de Wake, mas deverão ser extraditados para a Virginia. Os dois estão acusados de incesto, adultério e delinquência.

Não está ainda claro quem está cuidando o bebê, enquanto pai e mãe estão detidos.