Recentemente, informamos neste portal que uma mulher no distrito de Bulandshahr, no estado de Uttar Pradesh, na Índia, foi amarrada a uma árvore pelo marido e açoitada em público após fugir com outro homem. Agora, conforme uma reportagem publicada nessa quarta-feira (28) pelo portal de notícias do jornal britânico Daily Mail, um novo vídeo surgiu online e mostra o amante de uma mulher casada amarrado de cabeça para baixo em árvore e açoitado 100 vezes pelo marido dela.

O caso também foi registrado em Bulandshahr.

Publicidade

De acordo com a imprensa local, o homem, que não teve sua identidade revelada, foi visto pendurado no galho de uma árvore e depois parece estar no chão, onde vários aldeões o espancaram com paus, murros, chutes e pontapés.

A ação contra a vítima foi tomada sob as ordens de um tribunal formado por idosos da aldeia. A imprensa local não informou se o acusado de espancar o amante da esposa foi preso e nem revelou o estado de saúde da vítima. Segundo informações, o marido flagrou o amante tendo relações sexuais com a esposa.

Veja o vídeo logo abaixo:

Esposa agredida

Porém, antes deste caso, um homem revoltado amarrou a esposa em uma árvore e deu várias chicotadas após ela ter fugido com outro homem. Conforme relatos, a mulher estava tendo um caso amoroso fora do casamento com o vizinho e resolveu fugir com ele.

Porém, passado alguns dias, a mulher se arrependeu e resolveu voltar para casa. O marido, revoltado com a situação, resolveu dar uma lição na esposa sob as ordens do panchayat, que é o conselho de idosos.

Um vídeo que circulou nos canais de mídia social e no WhatsApp foi gravado por uma testemunha.

Publicidade

Ele mostra a mulher com as mãos amarradas em uma árvore sendo chicoteada pelo esposo.

Embora uma multidão seja vista no local, ninguém toma uma atitude para ajudar a mulher. Em vez disso, as pessoas zombam dela. Após o vídeo da tortura chegar ao conhecimento das autoridades, a Polícia da localidade prendeu três homens acusados de terem participado do crime e está à procura dos outros.

O superintendente da polícia de Bulandshahr, Praveen Ranjan Singh, disse que cerca de 25 pessoas participaram do crime.

Segundo ele, a polícia entrou em contado com a vítima, que disse não conhecer nenhum dos acusados. Ela acrescentou que, após ser açoitada, foi levada para um quarto, onde foi abusada sexualmente por vários homens. A mulher foi levada para uma unidade médica e recebeu atendimento necessário para o caso. A polícia da cidade está investigando ocaso. Veja o vídeo da mulher sendo espancada:

Leia também

Pais enforcam filha por ela não se casar com homem mais velho em troca de R$ 66 mil

Idoso de 82 anos abusa sexualmente de criança depois de atraí-la para sua casa

Cantor sertanejo é brutalmente espancado após vizinho flagrá-lo com sua esposa