Era perto das 3 horas da manhã, deste 14 de março, quando a família de Hawking viu o cientista morreu pacificamente em sua casa em Cambridge.

O cientista britânico recebeu tributos e homenagens de todas as partes do mundo. Ele ficou famoso por seu trabalho com buracos negros e relatividade, e escreveu vários livros científicos populares, incluindo A Breve História do Tempo, que vendeu 10 milhões de cópias.

A história de vida do cientista é uma prova de superação, aos 22 anos, Prof Hawking recebeu apenas a notícia de que teria apenas alguns anos de vida, depois de ter sido diagnosticado portador de uma doença neurológica rara.

Hawking sofria de ALS (esclerose lateral amiotrófica), uma doença neurodegenerativa comumente conhecida como doença de Lou Gehrig, que geralmente é fatal dentro de alguns anos. Em 1963, ele recebeu a notícia de que não viveria muito, mas reverteu o fatídico diagnóstico em um grande exemplo de suéração, e viveu por mais 55 anos, a despeito do que previram os médicos.

A doença deixou Hawking em cadeira de rodas e paralisou. Ele foi capaz de mover apenas alguns dedos por um lado e era completamente dependente de outros ou de tecnologia para praticamente tudo - banhos, vestir, comer, até mesmo falar. Hawking usou um sintetizador de voz que lhe permitiu falar em voz computadorizada com um sotaque americano.

O físico foi casado duas vezes. casou-se com a sua primeira esposa, Jane Wilde, quando ainda era estudante de graduação e permaneceram juntos por 30 anos antes de se divorciarem em 1995. Hawking foi casado mais tarde por 11 anos para Elaine Mason, uma de suas ex-enfermeiras.

Era considerado como o maior cientista vivo do mundo, Hawking também era cosmólogo, astrônomo, e matemático.

Hawking combinou a teoria da relatividade de Einstein com a teoria quântica para sugerir que o espaço e o tempo começariam com o Big Bang e terminariam em buracos negros. Hawking também descobriu que os buracos negros não eram completamente negros, mas emitem radiação e, provavelmente, evaporariam e desapareceriam

Um livro de condolências deve ser aberto no Gonville e Caius College em Cambridge, onde o professor Hawking estava associado, e seguia com sua contribuição.

Um dos britânicos mais famosos da história

Hawking nasceu em Oxford, na Inglaterra, sobre o que acabou por ser uma data especial, em 8 de janeiro de 1942 - data que celebreu também o 300º aniversário da morte do astrônomo e físico Galileo Galilei. Em uma entrevista exclusiva com a CNN em outubro de 2008, Hawking disse que, se os humanos puderem sobreviver nos próximos 200 anos e aprenderem a viver no espaço, nosso futuro será brilhante.

Não perca a nossa página no Facebook!