Tudo começou em 2012, quando o casal tinha apenas 16 anos e se conheceram pela primeira vez. Não demorou muito para que os dois assumissem um relacionamento sério. No entanto, com o passar do tempo, Jordan Worth, uma mulher de 22 anos atualmente, passou a ter comportamentos agressivos e violentos para com Alex Skeel, de mesma idade. Ele sofreu violência doméstica da sua namorada e chegou até a dizer que estava “a dez dias da morte”. A moça batia em seu namorado com a própria mão e com objetos, além de proibir o rapaz de ter contatos telefônicos. [VIDEO]

O fato virou caso de polícia quando um vizinho percebeu alguns gritos de Alex, em um momento de abuso de sua namorada.

O caso aconteceu na Inglaterra, e Jordan foi levada pelos policiais para uma prisão preventiva, para aguardar uma decisão final da justiça. Na frente do juiz, a moça confessou que batia, abusava e fazia jogos psicológicos contra o namorado já há muitos anos. Ela foi condenada, então, a pagar 7 anos de cadeia e não ter mais nenhum tipo de contato com o seu até então namorado, Alex.

Namorada confessou que batia e abusava do namorado

De frente para um juiz, Jordan confessou que fazia Abusos e agia com violência contra o seu namorado Alex. Ela, inclusive, utilizava martelo e outros objetos para bater no rapaz. No momento da prisão, o rapaz estava com fitas isolantes em algumas partes do corpo colocadas exatamente para que ninguém percebesse as agressões físicas nele [VIDEO]. Essa é a primeira vez que acontece um caso de agressão física contra um homem, vindo de uma mulher, em Bedfordshire, cidade britânica.

No hospital, os paramédicos notaram que tinham algumas lesões no corpo de Alex, inclusive queimaduras nas pernas e nos braços – que foram tratadas em casa para que ninguém soubesse do caso. De acordo com o rapaz, que deu entrevista para jornais locais, a sua namorada não permitia que ele fosse até um médico para tratar das lesões sofridas.

A confissão dos abusos por parte da moça

“Os médicos me disseram que eu estava a dez dias da morte”, disse Alex, depois de ter levado uma surra da namorada. Jordan, que namorou o rapaz durante seis anos, quebrou todos os celulares que Alex tinha e, em certa vez, quando tinha um celular, Alex recebeu uma mensagem que informava que o seu avô tinha falecido. Jordan, no entanto, percebeu que aquilo tinha feito o seu namorado chorar muito e, decidiu falar a verdade: ela disse que a mensagem era falsa.

A partir daí, a namorada do rapaz, mais uma vez, fez terror psicológico com Alex e zombou do rapaz afirmando que ele se preocupava com o que acontecia com a sua família.

À justiça britânica, Jordan confirmou todas as acusações e disse que de fato fazia jogos psicológicos com o seu namorado, batia, abusava e controlava a vida do parceiro.