Relações entre famílias, especialmente às de crime, acabam chamando a atenção pela forma como se desenvolvem. [VIDEO]Entender o posicionamento entre pais e filhos é algo realmente extremamente complexo e tudo o que ocorre mexe com a sociedade. Nesse sábado (7), por exemplo, uma notícia fez com que muita gente ficasse surpresa. Um pai recebeu a acusação de ter trancado o seu filho, que possui uma doença mental, em uma jaula. A situação durou cerca de vinte anos. O caso repercutiu em todo o mundo e aconteceu no Japão [VIDEO].

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Não demorou muito e a imprensa local tentou identificar o que levou um pai a fazer isso com o próprio herdeiro por tanto tempo.

A história do pai que tratava filho doente mental como animal

A situação envolvendo pai e filho acabou tornando-se bastante importante em todo o país.

Os japoneses ficaram chocados. Aqui no Brasil, o site da Revista Veja foi um daqueles que publicou uma matéria a respeito da situação. Yoshitane Yamasaki, de 73 anos, manteve preso o filho, que atualmente tem 42 anos, em sua casa na cidade de Sanda. Ao que de sabe, o homem ficou nessa condição animalesca por cerca de vinte anos. A jaula era de modelo rústico, tendo cerca de 1,8 m de altura, o que apenas dava para o rapaz ficar de pé. Ela ficava dentro de uma cabana da família do enjaulado. A largura da jaula também era de 1,8 metro, o que impressionou as pessoas que chegaram ao local.

Pai tenta explicar por que enjaulou filho como animal durante duas décadas

À polícia, o pai do rapaz explicou que obrigou o seu filho a fazer tal experiência, que até lembra alguns filmes de terror. De acordo com Yoshitane Yamasaki, que é um senhor de setenta e três anos de idade, ele apenas fez isso porque o herdeiro teria sérios problemas mentais.

Algumas pessoas que testemunharam o caso falaram sob condição de anonimato à emissora pública do Japão, a NHK, sobre o fato. O pai do doente mental teria garantido que, apesar das condições parecerem as mais terríveis possíveis.

Enjaulado no Japão: pai garante que dava banho e deixava filho comer todos os dias

O pai confirmou que todos os dias o filho poderia se alimentar. Além disso, mesmo tratado como um animal, ele tomava banho. A vítima, cuja identidade não foi revelada pela imprensa mundial, foi internada em uma clínica psiquiátrica e sofre de dores nas costas, mas seu estado é estável. Ainda não foi confirmado se um outro mal foi adquirido pelo rapaz, após tal condição que o seu pai o fez ficar.