Juca Ferreira, o secretário municipal de Cultura da Prefeitura de São Paulo, foi o nome escolhido para ocupar a cadeira de Ministro da Cultura no segundo mandato da Presidente Dilma Rousseff. Sociólogo, Ferreira já atuou nesse cargo durante o governo de Luiz Inácio Lula da Silva, entre os anos de 2008 e 2010.

Hoje, a ministra da Cultura é Ana Cristina da Cunha Wanzeler que substituiu Marta Suplicy no mês de novembro, após ela anunciar o seu pedido de demissão.

Publicidade
Publicidade

O nome do escritor e jornalista Fernando Morais, de acordo com informações do blog de Cristina Lôbo, chegou a ser uma opção para ocupar essa pasta, porém, o PT preferiu Juca Ferreira. Ao todo, precisam ser anunciados os nomes de 39 ministros até a próxima quinta-feira, dia primeiro de janeiro, quando Dilma assumirá o seu segundo mandato e assinará os atos de nomeação de todos eles.

Os primeiros nomes foram anunciados no dia vinte e sete de dezembro de 2014.

Publicidade

Hoje já sabemos que Nelson Barbosa será o Ministro do Planejamento; Alexandre Tombini assume o Banco Central; o Ministro da Fazenda será Joaquim Levy, no Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior foi confirmado o senador Armando Monteiro Neto; Cid Gomes na Educação; Ministério da Agricultura será ocupado por Kátia Abreu; Eduardo Braga ocupará o Ministério de Minas e Energia; o do Desenvolvimento Agrário será ocupado por Patrus Ananias; Gilberto Occhi ficará na pasta de Integração Nacional; na de Comunicação fica Ricardo Berzoini, dentre outros.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Política

Marta Suplicy, que ocupou a cadeira de Ministra da Cultura até novembro de 2014, criticou a escolha feita para o Ministério da Cultura. Para isso, usou a rede social Facebook e alertou a todos que as pessoas não conhecem os desmandos realizados pelo novo Ministro da Cultura quando ele trabalhou no mandato de Lula.

Aproveitando a oportunidade, a senadora também fez críticas a Alexandre Padilha, que de acordo com os dizeres dela, foi rejeitado pelos paulistas e hoje foi o responsável pelo anúncio do novo Ministro da Cultura.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo