O decreto da presidente Dilma Rousseff para contingenciar R$ 10 bilhões do orçamento do governocomeça a trazer as primeiras consequências para a sociedade brasileira.

Nesta segunda feira, 30, o poder Judiciário informou, através de publicação no Diário Oficial da União, queo corte de R$ 1,7 bilhões em seu orçamento, impedirá que as eleições municipais,previstas para todo o país em 2016, sejam realizadas por meio eletrônico, como acontece desde 2000, quando todo o eleitorado deixou de votar por cédula de papel.

Aportaria foi assinada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Ricardo Lewandowski e pelo presidente do Supremo Tribunal Eleitoral (STE), Dias Toffoli.

Além deles, também assinam a portaria outros órgãos do Judiciário, afetados diretamente pelo contingenciamento.

O valor que cada tribunal fica impedido de utilizar no orçamento, é o seguinte:

Supremo Tribunal Federal - R$ 53.220,494,00

Justiça Eleitoral - R$ 428.739.416,00

Superior Tribunal de Justiça - R$ 73.286.271,00

Justiça Federal - R$ 555.064.139,00

Justiça do Trabalho - R$ 423.393.109,00

Justiça Militar da União - R$ 14.873.546,00

Justiça do DF e Territórios - R$ 63.020.117,00

Conselho Nacional de Justiça - R$ 131.165.703,00

Esse é o terceiro contingenciamento do ano, e esse novo bloqueio de despesas discricionárias, ou seja, não obrigatórias, acontece em meio a um turbilhão pelo qual passa o governo Dilma, que está com dificuldades para aprovar, no Congresso, a revisão da meta fiscal para 2015.

O Planalto faz mais um corte no orçamento, na tentativa de conseguir atingir a meta fiscal de R$ 55,3 bilhões de superávit primário, ou seja, a economia necessária para pagar juros da dívida pública. Porém, conforme o portal G1, mesmo com esse corte, o governo não conseguirá atingir a meta, pois acumula até outubro, um rombo de R$ 33 bilhões, o maior da históriada República.

Enquanto isso, a presidente Dilma e sua comitiva chegaram à Paris na tarde de sábado, 28, para participar, nesta segunda, 30, da Cúpula do Clima da ONU e se hospedaram em um dos hotéis mais caros da cidade.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Política

O Le Bistrol, que segundo a revista Isto é, tem uma diáriana faixa de 17 mil Euros, o equivalente a R$ 65 mil.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo