O filho de Álvaro Garnero, o jovem Álvaro Garnero Filho de 19 anos, conhecido como Alvarinho, lamentou e considerou um erro ter xingado Chico Buarque na última segunda-feira, 21. O estudante faz parte do grupo de antipetista que hostilizou e se participou de uma discussão que deu o que falar na internet envolvendo Chico Buarque. “Xingar o Chico Buarque foi um erro”, afirma Alvarinho.

Ele afirma não ter falado nada na discussão com o Chico Buarque, e que ao perceber a confusão apenas foi ver o que estava acontecendo.

Garnero afirma ainda que os jovens que hostilizaram o cantor não são seus amigos, apenas conhecidos por meio de amigos que têm em comum com alguns dos envolvidos. Tentando se redimir, Álvaro Filho afirma que Chico Buarque é um homem experiente, e mesmo que tenha opções políticas diferentes, merece respeito. Quando questionado sobre os acontecimentos, ele afirma que foi totalmente desnecessária aquela cena.

E completa que todo ser humano é individual e não tem necessidade de ser inimizado por isso.

Ainda complementando e se explicando em relação a discussão, Alvarinho afirma que ao chegar no local foi em busca de informação, conversando com um possível funcionário do estabelecimento, perguntando sobre “quem é o homem que está no meio da discussão”?

Ele afirma que estava no local apenas observando o movimento e o desenrolar da discussão, e considera dois fatores para ter sido destacado no vídeo: por ser alto, podendo ser um fator para chamar mais atenção diante da câmera, mas também aventou a possibilidade de ter sido reconhecido e associado à figura pública de seu pai, recebendo destaque na filmagem para facilitar a viralização das imagens ao associar a imagem a um nome também conhecido, e para "dar ibope" junto ao nome do cantor.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Curiosidades

O estudante mora há mais de 18 anos fora do Brasil. De acordo com seu próprio testemunho, "Alvarinho" está recendo constantes ameaças após a viralização do vídeo.

Alvarinho ainda complementa que não tem base sociopolítica para opinar e muito menos para discutir de forma coerente a política nacional, mas afirma desejar que o Brasil se torne um país melhor.

 

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo