Engana-se que protesto é lugar de "povão", pois já faz um bom tempo que artistas e pessoas da alta sociedade envolvem-se nestes manifestos e saem às ruas para defenderem seus pontos de vista. E nos protestos contra a presidente Dilma Rousseff tem circulado uma bandeira que chama a atenção de muitos, pois não é do PT, nem da CUT, muito menos do MST ou a bandeira do Brasil. Trata-se da bandeira do período imperial, onde no lugar do globo azul encontra-se o brasão e também a coroa.

E segurando estas bandeiras estão eles, os monarquistas, que estão aproveitando a divisão em que o país se encontra para mostrarem que a solução está em trazer novamente o regime que foi derrubado há mais de 120 anos. Quem está à frente desta campanha são os principais descendentes de Dom Pedro II,alegando que, para o Brasil ter um futuro melhor, é preciso voltar ao passado.

Dom Bertrand de Orléans e Bragança, hoje com 75 anos, é trineto de Dom Pedro e é um dos principais defensores deste sistema.

Se o Brasil continuasse no sistema de Monarquia, hoje estaríamos sendo governados por Luiz, irmão de Bertrand, que está com 77 anos. Só que ele encontra-se com a saúde debilitada e por isto seria Dom Bertrand que assumiria o reinado.

O trineto de Dom Pedro nasceu na França e ainda carrega um pouco do sotaque, está cada vez mais adaptado ao Brasil, inclusive já faz selfies com seus possíveis súditos quando participa dos protestos pelas ruas e avenidas do país.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Lula Governo

Apesar de estar interessado na volta da Monarquia, Bertrand critica mesmo é o Partido dos Trabalhadores, acusando seus dirigentes de quererem implantar o socialismo no Brasil à força.

Em todos os seus discursos o príncipe sempre repete a frase onde diz que nossa bandeira é verde e amarela e que nunca será vermelha. Seus discursos são ouvidos por um número cada vez maior de pessoas e quando cai na internet é sempre muito compartilhado.

Mas o que ele quer mesmo é conquistar um número cada vez maior de admiradores que concordem em colocá-lo à frente do país.O príncipe alega que os brasileiros estão em dúvida se valeu mesmo a pena optar pela república.

Você gostaria de ter a família de D. Pedro reinando novamente no Brasil? Deixe abaixo seu comentário.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo