O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, por intermédio de seus advogados, protocolou, nesta quinta-feira (16), um pedido de investigação contra o juiz Sérgio Moro. Nele, sua defesa aponta as 'irregularidades' cometidas por Moro na condução das investigações contra o petista.

O anúncio do pedido de Lula veio em resposta à notícia de que o mesmo será denunciado criminalmente dentro de poucas semanas.

O pedido deve ser indeferido, mas o contexto da petição é amplo e baseia-se na anulação das gravações de ligações de Dilma Rousseff. A defesa de Lula quer que essas gravações obtidas por meio de grampos telefônicos sejam anulados por ilegalidade.

O pedido

Dentre muitas coisas, os advogados de defesa afirmaram, categoricamente, que, a partir do momento que Sérgio Moro decidiu grampear os telefones de Lula e de seus familiares, bem como realizou a busca e apreensão de bens, houve infração aos Direitos Humanos.

O pedido aponta ainda que Moro foi arbitrário, agindo com abuso de poder ao levá-lo para depor coercitivamente, não emitindo uma prévia intimação. As acusações contra o juiz também afirmam que ele perseguiu Lula e seus familiares e tentou incriminá-los.

O pedido e suas muitas páginas será  analisado por Rodrigo Janot, procurador-geral da República. Janot é conhecido por alguns impasses quando o assunto é decidir contra Lula ou Dilma, mas, ainda assim, gravações telefônicas de Lula mostraram que o ex-presidente andava meio revoltado com o procurador. Nessa semana, Janot 'ganhou' um pedido de impeachment, justamente por evidenciar um tratamento diferenciado para lidar com os dois petistas.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Lava Jato Lula

O objetivo

Caso o pedido seja acatado e uma investigação seja aberta, Moro pode ser afastado da Lava Jato. Entretanto, isso não é motivo de alegria para os petistas, pois Lula continuará com o futuro nas mãos da 'República de Curitiba', mudando apenas o juiz competente para o seu caso. O foco do pedido é ganhar tempo, enquanto o recurso para que as investigações voltem para o STF seja analisado.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo