O ex-ministro Ciro Gomes (PTD), em declaração polêmica, tratou de auxiliar a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, alertando-os sobre alguns critérios que podem ser acolhidos em uma eventual prisão do ex-presidente.

Conforme uma entrevista do ex-governador ao jornal O Globo, Ciro sugere uma alternativa para solucionar a questão (prisão) que tanto atormenta o líder petista. Segundo Ciro, não havendo anuência por parte de Lula se for decretado o seu recolhimento, a sua defesa deve imediatamente convocar uma reunião com juristas e "sequestrar" o ex-presidente, afirmou o ex-parlamentar.

Significa levá-lo para um local apropriado para sua segurança, ou melhor, uma "embaixada" e requerer prontamente o seu direito constitucional, o asilo político. Desta feita, ninguém poderá tocá-lo e poderá se defender com tranquilidade "de forma plena e isenta", argumentou Ciro Gomes.

A situação parece se agravar porque o ex-presidente segue acusado pelo envolvimento com as operações ilícitas da Petrobras.

Inclusive, os seus ex-aliados da cúpula petista estão reforçando os fatos por meio dos acordos de delações premiadas.

No último fim de semanaos dirigentes presos Vaccari, Dirceu e Vargas resolveram estabelecer uma aliança dentro do Complexo Penitenciário de Curitiba com o intuito de transferir toda a responsabilidade das fraudes aplicadas na Estatal para os integrantes do alto escalão e o próprio Partido dos Trabalhadores.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Lava Jato Lula

As informações foram destaque nos jornais Estadãoe nosite Blasting News.

Essa lógica poderia ajudar a esclarecer o receio que Ciro Gomes tem em relação a prisão de Lula, que, diga-se de passagem, vem alcançando muitos outros parlamentares. Claro que essas acusações têm tudo a ver com as investigações da Operação Lava Jatoque, por sinal, recebeu vários elogios pela sua magnitude em desvendar o maior escândalo de corrupção no país.

Entenda a articulação de Ciro Gomes

“A reportagem do jornal O Globoelenca Ciro Gomes visualizando a prisão hipotética de Lula como ilegal, haja vista a sua argumentação: "Hoje, não enxergo motivos para uma prisão de Lula, embora eu esteja muito irritado com sua frouxidão moral". Ainda foi além: "É obra dele a criação dessa linha sucessória que ai está. Quem criou esse monstro Eduardo Cunha foi Lula", afirmou o ex-governador do Ceará.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo