Na noite da última quarta-feira (19), o prefeito de São Paulo, João Doria, foi fortemente hostilizado por Moradores de Rua que estavam na região de Santa Cecília, centro da cidade, quando tentava distribuir cobertores para os mesmos. O clima ficou tão tenso que o prefeito e sua equipe tiveram que abandonar o local sob muitos xingamentos.

A assessoria do prefeito afirmou que não iria se pronunciar sobre a expulsão de Doria do local, mas garantiu que a entrega de cobertores continuará nos próximos dias.

Motivo da revolta

A revolta dos moradores de rua com o prefeito João Doria pode ser explicada pelo fato ocorrido na manhã do mesmo dia, quando equipes terceirizadas de limpeza e que prestam serviços à prefeitura lançaram jatos de água que acabaram molhando os cobertores dos moradores de rua e assustando-os, pois muitos estavam dormindo.

Existe a versão de que alguns chegaram a ser molhados, mas a prefeitura nega. O Incidente ocorreu na Praça da Sé.

Moradores de rua da região contaram que não tiveram tempo para nada e que alguns ficaram com seus poucos pertences completamente encharcados.

Vídeo mostra Doria sendo hostilizado

Como é de costume, o prefeito João Doria gravou sua ação entregando cobertores para depois postar nas redes sociais, mas editou as partes em que é xingado e vaiado, mostrando apenas moradores de rua sorrindo, agradecendo e elogiando Doria enquanto recebiam os cobertores. Porém em um outro vídeo, sem edição que circula pelas redes sociais, é possível ouvir o prefeito sendo chamado de “assassino”, "safado", “pilantra” dentre outros adjetivos, enquanto caminha rapidamente para deixar o local.

Conversas com moradores de rua seriam montadas

Um morador de rua, em entrevista ao site Jornalistas Livres, afirmou que quando o prefeito vai conversar com eles, não chega diretamente como parece ser em seus vídeos: “Primeiro vem a comitiva dele, preparando um espaço, tirando tudo do lugar.Primeiro os seguranças revistam todo mundo.

Os melhores vídeos do dia

Ele não deixa nem chegar perto”, contou.

Ações de Doria são criticadas

O hábito de postar vídeos e mais vídeos na internet para mostrar que está trabalhando vem sendo muito criticado até mesmo por pessoas de seu partido. Recentemente, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou que Doria gasta muito tempo com o celular ( se referindo a ações de marketing), mas que não viu nenhuma mudança na cidade.