A campanha presidencial ainda está longe de começar, mas o governador paulista Geraldo Alckmin já deu início às frases de efeito. Habitualmente conhecido por entrevistas ponderadas, sem grande alarde, o governador falou firme nesta segunda-feira e deu um recado a todos: "O 'novo' na política é falar a verdade".

"O primeiro de tudo é falar a verdade. Olhar nos olhos das pessoas e fazer acreditarem. Depois é defender o interesse coletivo, que está órfão.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal PSDB

As corporações tomaram conta de tudo, do lado estatal e do lado privado. Ambos os lados perdem", colocou.

Na interpretação de muitos, a mensagem tinha como alvo o prefeito de São Paulo, João Doria [VIDEO], que se elegeu em 2016 com relativa tranquilidade passando a imagem do "novo", por ser alguém fora do âmbito político.

Curiosamente, Doria se elegeu com imensa ajuda de Alckmin, que esteve do seu lado na campanha.

O governador admitiu que pretende ser candidato em 2018. "Quero, sim, me candidatar à presidência, mas não depende apenas de mim, mas do partido". Ao mesmo tempo, ele disse que não vê "problema" se tiver que disputar as prévias dentro do PSDB com João Doria [VIDEO], que também é um nome bastante cotado para as eleições presidenciais de 2018.