O ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, participou de um evento com movimentos sociais e militantes petistas em que fez um longo discurso cheio de agradecimentos e explicações. Luiz Inácio começou ressaltando a importância da CUT e cumprimento a força sindical e o MST.

Ele também agradeceu a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann, e todos as pessoas que estavam junto com ele em todas as circunstâncias. O ex-presidente declarou também que estará à disposição da Justiça sempre que for intimado a comparecer sem maiores problemas: “ Eu não queria falar, na verdade eu deveria me calar! Fiquei cerca de 3 horas prestando depoimentos e soo que queria dizer para não se preocuparem comigo.

Virei a Curitiba prestar quantos depoimentos forem precisos”, disse Lula.

O ex-presidente disse ainda que se declara inocente e que muitos ainda irão ter que pedir desculpas: “Não sou melhor ou pior que ninguém e respeito completamente a Justiça. Quem está fazendo as acusações terá que provar a verdade, além de ir a TV pedir desculpas”.

Lula diz que Palocci mentiu em delação

Lula insistiu que é inocente e ainda que não iria mentir para o povo brasileiro: “Sou uma pessoa como qualquer outra. Tenho apenas 4 anos de escolaridade e um curso Senac, mas tenho a capacidade de ver o sofrimento do povo”.

Ele ainda completou dizendo: “ Desafio todos eles a irem na minha rua, irei abraçar cada mulher, homem e criança. Jamais iria mentir para meu povo, prefiro a morte do que fazer isso com o povo brasileiro”, disse o ex-presidente.

Lula disse que na verdade tudo isso se trata de uma perseguição, sendo que com todas as notícias e acusações não encontram nenhuma prova contra ele: “ Tenho consciência de todos os ataques, ao invés de perder a paciência, procuro ficar orgulhoso! Foram cerca de dois anos gravando Marisa, Dilma e eu. ‘Invadiram’ nossa casa e mesmo assim não encontraram nada”.

Lula diz que foi um sonhador

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que na verdade foi um sonhador. Ele sonhou que um dia a Petrobras seria a maior petroleira do mundo, além de transformar a indústria, criando uma energia limpa, começando pelo etanol.

Ele também disse que acreditou fielmente no pais, que um dia ele pagaria a dívida de 300 anos com a África. Lula finalizou dizendo que seu único intuito na verdade seria transformar o país em uma grande evidência no mundo, assim como os Estados Unidos. O país ainda enfrenta muitos problemas relacionados a pobreza, sendo que o Brasil tem uma especie de complexo de 'vira lata'.

Ele finalizou dizendo que não vai desistir e vai lutar até o fim, independente de quantos processos ainda tenha que enfrentar.