O ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, foi mais uma vez interrogado pelo famoso juiz federal, Sérgio Moro [VIDEO], na tarde desta última quarta-feira (13).

Desta vez, o presidente e fundador do Partido dos Trabalhadores foi responder sobre uma série de acusações feitas pelo seu ex-ministro da Fazenda, Antonio Palocci Filho, de que Lula teria recebido a quantia de R$ 12 milhões da Construtora de Norberto Odebrecht como pagamento de propina.

Foi a segunda vez que Lula prestou depoimento para o juiz responsável pela Operação Lava Jato

No primeiro encontro entre o petista e o juiz federal, que aconteceu no dia 10 de maio, o ex-presidente Lula [VIDEO]foi acusado sobre o caso de seu triplex no Guarujá.

Na época, o depoimento durou um pouco mais de 5 horas, desta vez o depoimento do ex-presidente durou menos do que a metade do último encontro. Lula respondeu a todas as acusações levantadas pelo médico e ex-amigo Palocci na última semana e falou sobre o seu envolvimento com Marcelo Bahia Odebrecht, e sobre lavagem de dinheiro pelo seu Instituto.

No final do depoimento, Sérgio Moro deu a palavra a Lula, mas advertia que o tempo era pra ser usado como palanque

Com o depoimento chegando a um pouco mais de duas horas e meia de duração, o juiz Sérgio Moro perguntou se o ex-presidente gostaria de falar alguma coisa, mas advertiu que o tempo não era para ser usado como palanque político e nem para mencionar nada sobre o primeiro depoimento, que culminou com a pena de 9 anos e meio de prisão para Lula que responde em liberdade.

O petista disse ao magistrado que depois do primeiro depoimento do dia 10 de maio, Moro é sempre observado de perto pela mídia, e que todos os depoimentos que acontecem ali são vistos por milhões de brasileiros.

Lula pergunta se Moro é imparcial e surpreende a todos

''Como o senhor bem sabe, eu vou chegar em casa amanhã e irei almoçar com meus oito netos e uma bisneta de seis meses. Gostaria de te perguntar se eu posso olhar na cara nos meus filhos e dizer que eu vim para Curitiba prestar depoimento a um juiz imparcial?'', pergunta Lula.

''Bem, primeiro, não cabe ao senhor fazer esse tipo de pergunta a mim'', respondeu o juiz Sérgio Moro.

Neste momento, Lula rebate dizendo que não foi isso que ele percebeu na primeira ação e que vai continuar esperando que a Justiça brasileira realmente faça justiça.

Confira abaixo, o vídeo com o trecho do depoimento de Lula a Sérgio Moro: